Competição estimula a saúde, a diversão e o bem estar dos idosos - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Esportes e saúde26/08/2015 | 21h53

Competição estimula a saúde, a diversão e o bem estar dos idosos

Jogos Municipais da Terceira Idade de Blumenau chegou à 9ª edição este ano

Competição estimula a saúde, a diversão e o bem estar dos idosos Rafaela Martins/Agencia RBS
A dança de salão é uma das modalidades que atrai mais a atenção do público e dos competidores Foto: Rafaela Martins / Agencia RBS

Blumenau tem o melhor índice de longevidade entre as cidades catarinenses e uma média acima da nacional. Com o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) de 0,894 — numa escala de 0 a 1 —, a cidade fica empatada com Brusque, Balneário Camboriú e Rio do Sul como a melhor de Santa Catarina. E a prática de exercícios está diretamente relacionada ao dado.

— Tem-se em mente que uma maior longevidade é construída ao longo da vida. O somatório de alimentação saudável, bom convívio social e familiar e atividade física certamente são determinantes para isto, e Blumenau tem oferecido cada vez mais oportunidades para um envelhecer sadio, como as atividades no Pró-Família, as praças equipadas com aparelhos de ginástica e também eventos como os Jogos — afirma a médica geriatra Lidiane Cristina Nitsche.

No caso dos Jogos Municipais da Terceira Idade, a iniciativa em Blumenau vem de nove anos atrás, antes mesmo da competição de nível estadual do gênero. Os Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti) começaram um ano depois das disputas blumenauenses.

Os atletas concordam com os médicos. Com procura maior a cada ano, os Jogos mostram um ambiente que mistura diversão e bem estar, para pessoas que, assim como o tempo, não param.

JORNAL DE SANTA CATARINA

 
Jornal de Santa Catarina
Busca