"Ninguém esperava eu fazer um campeonato desse", diz lateral do Avaí, Capa - Esportes - Santa

Série B20/11/2016 | 15h00Atualizada em 20/11/2016 | 15h00

"Ninguém esperava eu fazer um campeonato desse", diz lateral do Avaí, Capa

Ídolo azurra, hoje o ex-jogador é auxiliar técnico do clube

"Ninguém esperava eu fazer um campeonato desse", diz lateral do Avaí, Capa Cristiano Estrela / Agência RBS/Agência RBS
Foto: Cristiano Estrela / Agência RBS / Agência RBS
André Podiacki enviado especial a Londrina (PR)
André Podiacki enviado especial a Londrina (PR)

andre.podiacki@diariocatarinense.com.br

Capa é daqueles coadjuvantes que roubam as cenas em grandes filmes, mas no caso dele o destaque foi em campo no Avaí. O lateral-esquerdo de 23 anos foi um dos atletas que tiveram grande importância para o acesso à Série A. 

O lateral teve atuações consistentes, principalmente ofensivamente. Ele era uma válvula de escape para a equipe quando a situação apertava em campo. O Leão é a grande oportunidade de Capa na carreira. 

Depois de passar por time menores, como Guarani de Palhoça e Camboriú, o lateral abraçou a chance no time azurra e mostrou um grande futebol. 

– Pra mim é emoção muito grande, de onde eu vim, cheguei desacreditado, ninguém dava nada pelo Capa porque veio da Guarani. Torcida e imprensa, ninguém esperava eu fazer um campeonato desse. Fico emocionado e muito grato porque eu falei na coletiva que ia dar o máximo para deixar o Avaí na Série A. E também mostrar meu valor. Mais que nunca meu nome vai para a história do Avaí. Cheguei desacreditado e agora estou com nome marcado – disse o lateral ainda no gramado do Estádio do Café, depois da vitória por 1 a 0 sobre o Londrina. 

A torcida passou a chamar o jogador de Super Capa, por causa de sua velocidade e fôlego que permite ele estar no ataque e logo voltar para ajudar na marcação.

– Super Capa? Deixo isso para torcida e imprensa. Procuro jogar futebol da melhor maneira possível, me empenhar ao máximo para poder dar alegria a torcida e todos fanáticos pelo Avaí – finalizou o lateral. 


Confira o especial do acesso:

Foto: Arte / DC

Rei do acesso, Diego Jardel é o herói improvável do Avaí em Londrina 
Inglês torcedor do Avaí há 21 anos viaja 55 horas para ver o acesso
Confira a tabela da Série B
Leia mais notícias sobre o Avaí


 
 

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteChapecó prepara velório coletivo de vítimas de acidente aéreo https://t.co/5LYHJ9eHmW #LeiaNoSantahá 4 diasRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteIdentificação das vítimas da queda do avião será por meio de impressões digitais https://t.co/eqQU3nPA5l #LeiaNoSantahá 4 diasRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros