Criciúma realiza último treino antes de encarar o Figueirense - Esportes - Santa

Versão mobile

catarinense28/03/2017 | 14h49Atualizada em 28/03/2017 | 14h49

Criciúma realiza último treino antes de encarar o Figueirense

Atacante Jheimy, que marcou o único gol na vitória sobre o Inter de Lages, quer manter a sequência no time

Criciúma realiza último treino antes de encarar o Figueirense Caio Marcelo / Especial/Especial
Foto: Caio Marcelo / Especial / Especial

Depois da vitória no domingo diante do Inter de Lages, o Criciúma está confiante para a segunda partida seguida dentro de casa, dessa vez contra o Figueirense. Na tarde desta terça-feira, o grupo realiza o último treino antes do jogo de amanhã, às 19h30min, no Heriberto Hülse. O atacante Jheimy, autor do gol que garantiu os três pontos contra o time da Serra, quer manter a sequência entre os titulares.

— Valor muito grande (o gol), graças a Deus tira um pouco o peso das costas, atacante ficar um tempo sem fazer gol é difícil. Deivid sempre me passou confiança até quando me tirou também, explicou o motivo, aqui é um grupo, ele conversa com todo mundo, e eu procurei trabalhar e voltei no jogo contra o Joinville, agora já pude fazer gol de novo. Espero dar sequência, atacante vive de gol, agora é aproveitar a oportunidade e tentar alcançar nossos objetivos que é chegar à final — comentou o atacante.

O jogador começou a temporada como titular, e depois de algumas rodadas, perdeu o posto. Nesse meio tempo, Deivid experimentou com Andrew, Adalgiso Pitbull e Hélio Paraíba na posição, e com a evolução de Jheimy nos treinamentos, ele ganhou uma nova oportunidade no time. Lado a lado com Silvinho, último reforço apresentado no clube, a dupla tem tudo para trazer alegrias ao torcedor do Criciúma.

— Ele estreou e está melhorando a cada jogo, espero que façamos ali uma boa dupla na frente, que ele possa fazer gols também, independente de gol ou passe, importante é o Criciúma conseguir as vitórias, cada dia se entrosando mais, um conhecer o outro, e quando chegar nos jogos as coisas saírem naturalmente, tenho certeza que a tendência é a evolução. Tem agora o clássico, é um jogo difícil, mas a gente sabe que se quer alguma coisa no campeonato tem que vencer — analisa Jheimy.

Apesar da posição do Figueirense na tabela do returno, em penúltimo lugar, quando se fala em clássico não existe vantagem para nenhum dos lados. A defesa do Criciúma, que vinha sendo criticada pelo excesso de gols sofridos, não levou nenhum na última rodada, e o grupo está confiante. Amanhã, Jheimy espera que os donos da casa proponham o jogo.

— Clássico a gente tem que respeitar a equipe do Figueirense, assim como eles respeitam a gente também, mas estamos dentro de casa, a gente tem que mandar. Tem que fazer as jogadas, não pode ficar esperando o Figueirense até porque a gente precisa da vitória — resumiu o jogador.

Leia mais:
Deivid, do Criciúma, comemora vitória já de olho no Figueirense: "Agora temos o clássico"
Criciúma vence o Inter de Lages por 1 a 0 e se mantém na briga pelo returno
Ricardinho, do Criciúma, comemora oportunidade junto aos titulares

Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros