Avaí terá força máxima, no Scarpelli, em clássico pela Primeira Liga - Esportes - Santa

Versão mobile

Primeira Liga19/04/2017 | 17h51Atualizada em 19/04/2017 | 17h51

Avaí terá força máxima, no Scarpelli, em clássico pela Primeira Liga

Ainda que Leão não possua aspirações na competição, treinador Claudinei Oliveira valoriza o duelo por conta de motivação aos jogos seguintes

Avaí terá força máxima, no Scarpelli, em clássico pela Primeira Liga André Palma Ribeiro/Avaí
Equipe finaliza a preparação no Costão de Santinho Foto: André Palma Ribeiro / Avaí
DC Esportes
DC Esportes

Não vale na tabela, mas pelo reflexo do resultado. De forma breve, é assim que o Avaí encara o duelo ante o Figueirense, nesta quinta-feira, pela Primeira Liga. A equipe finalizou a preparação ao confronto das 19h30, no Orlando Scarpelli. Ainda que o Leão não tenha possibilidade alguma de avançar à segunda fase do torneio, o treinador Claudinei Oliveira informou que vai mandar ao gramado força máxima.

Conforme o comandante azurra, há a importância de enfrentar o arquirrival. O técnico ainda utiliza o confronto e a formação considerada titular pensando na preparação para os jogos das finais do Campeonato Catarinense, que iniciam na semana seguinte, ante a Chapecoense.

— Entendemos que seria cômodo não expor a equipe principal até a final. Mas é necessário passarem por mais um jogo deste porte e tamanho. Em termos de classificação não vale nada, mas é um clássico, tem cobrança e exigência. Vamos tirar o jogador da zona de conforto e fazer com que ele participe de jogo importante. A ideia é utilizar a partida como preparação, os jogos das finais serão para conquistar o título e também nos prepararmos para o Brasileiro, a grande competição do ano. Mas vamos buscar o título do estadual – explicou o técnico. 

Dito e feito. No treino apronto, realizado na manhã desta quarta-feira no Costão do Santinho, Claudinei armou o time com a escalação dos últimos dois jogos. A formação titular teve Kozlinski; Leandro Silva, Betão, Alemão e Capa; Luan, Judson e Marquinhos; Diego Jardel, Júnior Dutra e Romulo. No decorrer do trabalho, Gustavo Santos foi testado na lateral direita. Denílson ficou de fora para dar continuidade ao tratamento das dores no pé direito. 

Este será o terceiro e último clássico de Florianópolis na temporada. Nos dois anteriores, válidos pelo Campeonato Catarinense, não houve vencedor e tampouco gol. De acordo Claudinei Oliveira, a apresentação dos times em campo não deve mudar. Porém, desta vez arma a equipe para um triunfo que contribua por um Avaí com moral elevado para a decisão contra a Chape.

— Foram jogos de muita pegada e transpiração. Todo mundo se dedicou muito, ainda que não tenha sido jogos vistosos. Será um jogo de muita luta, brigando por todas as bolas e os times organizados. Esperamos que seja nestes moldes. Pode não ser um jogo muito técnico, deve haver um ou outro lance plástico, mas será de muita pegada — projetou Claudinei Oliveira, em entrevista coletiva.

Leia mais notícias do Avaí
Acesse a tabela da Primeira Liga

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteAubameyang faz três e líder Dortmund goleia Mönchengladbach https://t.co/XuBgGhWuGr #LeiaNoSantahá 41 minutosRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteReal Madrid reencontra vitória com dois gols de Ceballos https://t.co/R4ZK1flsWz #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros