JEC espera Arena com 10 mil pessoas para vencer o Sport e fazer história na Copa do Brasil - Esportes - Santa

Versão mobile

Futebol18/04/2017 | 21h25Atualizada em 18/04/2017 | 21h25

JEC espera Arena com 10 mil pessoas para vencer o Sport e fazer história na Copa do Brasil

Tricolor faz mistério em relação à equipe que irá a campo. Adversário vem a Joinville sem cinco dos seus principais jogadores 

JEC espera Arena com 10 mil pessoas para vencer o Sport e fazer história na Copa do Brasil Maykon Lammerhirt/Agencia RBS
Marlyson deve aparecer entre os titulares de Fabinho Santos na noite desta quarta-feira Foto: Maykon Lammerhirt / Agencia RBS

Entre 2012 e 2015, ver a Arena com a presença de mais de "dois dígitos" de torcedores era comum. A boa fase do JEC empolgava os tricolores, e as arquibancadas cheias transformavam o estádio num caldeirão difícil de ser superado pelos adversários. Mas os rebaixamentos mudaram a cara do palco. Hoje, o comum é ver a casa do Joinville bem vazia, principalmente em dias de chuva.

A constatação fez o clube se mobilizar de todas as maneiras para mudar o quadro nesta quarta, a partir das 21h45, diante do Sport. O Joinville sabe a diferença que o estádio cheio poderá fazer neste confronto histórico. Se vencer os pernambucanos por 1 a 0, o Tricolor avança pela primeira vez às oitavas de final da Copa do Brasil.

— Todos nós sabemos que há um movimento grande em torno do jogo. Sabemos a importância da partida, é uma equipe de Série A, todos da mídia vão estar voltados para esse jogo. Naturalmente, isso exige um pouco mais de atenção. Ali dentro de campo, nosso foco continua o mesmo, mas tenho certeza de que nosso torcedor vai fazer uma festa bonita — confia o técnico Fabinho Santos.

Fora de campo, a direção dá seus incentivos. Desde a semana passada, os ingressos estão sendo vendidos a R$ 30. Hoje, o valor será mantido para quem comprar os bilhetes vestido com a camisa do JEC. Vale tudo para o Tricolor recolocar "dois dígitos" nesta noite.

A última e única vez que o público superou a casa de 10 mil pessoas em 2016 foi diante da Chapecoense, na final do Estadual, quando 11.576 torcedores estiveram na Arena. Por enquanto, as vendas antecipadas animam — até ontem, mais de mil ingressos haviam sido vendidos.

Nas redes sociais, há também mobilização para recepcionar o time duas horas antes do duelo. O encontro ocorrerá às 19h30, na rua Inácio Bastos. Ou seja, o clima é favorável e a esperança nos bastidores é de que nem o tempo (chuva) possa atrapalhar a ida dos tricolores ao estádio.

— Precisamos fazer nossa parte no jogo. Com apoio do nosso torcedor, podemos conseguir o objetivo maior, que é vencer a partida — convocou Fabinho.

Ausências do Sport não iludem Fabinho

Numa decisão um tanto quanto surpreendente, o técnico Ney Franco, do Sport, e o departamento médico do time pernambucano vetaram a viagem de cinco dos principais jogadores do time. Não vieram a Joinville o zagueiro Ronaldo Alves, os meias Diego Souza e Rithely e os atacantes André e Rogério. Ronaldo é, de fato, o único jogador lesionado. Os demais estão desgastados e, por este motivo, a comissão técnica entendeu que poderia haver risco de lesão.

A notícia animou os torcedores do JEC, mas não iludiu o técnico Fabinho Santos. Segundo ele, o elenco do Sport não se limita à presença destes atletas.

— Assim como tem acontecido conosco, eles também tiveram alguns jogos importantes e desgastantes. Imaginávamos que um ou outro atleta não viesse, mas não os quatro que têm se destacado. Mesmo assim, precisamos fazer um bom jogo, ter um bom desempenho, uma equipe organizada diante de um rival de Série A, que tem elenco muito qualificado e vamos encontrar dificuldades — avaliou.

Mistério até entre os relacionados

O Joinville tem encarado o confronto num nível de concentração tão grande que, além de fechar as portas do CT no treino de terça, o técnico Fabinho Santos tomou uma decisão inédita na temporada: não divulgará a lista de jogadores relacionados para o confronto. As únicas certezas são de que os volantes Renan Teixeira e Kadu, recuperados de lesão, ainda não acompanharão o grupo.

— O Renan não foi relacionado. Entendo que ele ainda tem algumas dificuldades em relação ao jogo e preferi não relacioná-lo. É uma pena, ele se esforçou muito no treino, mas percebemos dificuldades. O importante é quem estiver em campo estar apto para dar o seu melhor — justificou Fabinho.

Com o retorno do volante Roberto, resta saber se ele atuará ao lado de Tinga ou dará lugar a Breno, abrindo espaço para Fabinho Alves na ponta direita. Ao que tudo indica, Bruno Rodrigues, Alex Ruan e Marlyson completarão o trio ofensivo do tricolor.

— Nós ainda estamos analisando isso. O retorno do Bruno Rodrigues abre uma situação na qual podemos ganhar velocidade e intensidade no jogo. Precisamos ser mais agressivos e espero que isso aconteça — concluiu Fabinho.

De acordo com o regulamento do campeonato, se vencer por 1 a 0, o Joinville estará classificado. Vitória por 2 a 1 leva a decisão aos pênaltis. Triunfos com vantagem de apenas um gol acima destes placares dão a classificação ao Sport — 3 a 2 por exemplo. Empate ou vitória do Sport confirma a vaga do Leão.

Ingressos para Joinville x Sport
Arquibancada descoberta com a camisa do JEC:
R$ 30 (sem meia-entrada)
Arquibancada descoberta no dia do jogo sem a camisa do JEC: R$ 40 (meia R$ 20)
Cadeira nível 1: R$ 60 (meia R$ 30)
Cadeira nível 2: R$ 80 (meia R$ 40)
Torcida visitante: R$ 40 (meia R$ 20)
Menores de 12 anos: R$ 10
Sócios Nasceu Campeão em dia desde 2016: Entrada livre + acompanhante livre

Ficha técnica:
Joinville x Sport


Joinville: Matheus, Caíque, Danrlei, Max e Fernandinho; Roberto, Tinga, Breno, Bruno Rodrigues e Alex Ruan; Marlyson.
Técnico: Fabinho Santos

Sport: Magrão; Samuel Xavier, Henriquez, Durval e Mena; Fabrício, Ronaldo, Thallysson, Everton Felipe e Lenis; Leandro Pereira
Técnico: Ney Franco

Local: Arena Joinville.
Horário: 21h45 de quarta.
Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA) auxiliado por Hélcio Araújo Neves (PA) e José Ricardo Guimarães Coimbra (PA).

 
 

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteTenista britânico Daniel Evans cai no antidoping com cocaína https://t.co/eHJjIonNpT #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteTécnico Claudinei Oliveira avalia a continuidade de Kozlinski e Maicon entre os titulares do Avaí https://t.co/RUVoOlC1xq #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros