Prefeito de Medellín é homenageado em Chapecó  - Esportes - Santa

Mais que um jogo03/04/2017 | 20h21Atualizada em 03/04/2017 | 20h21

Prefeito de Medellín é homenageado em Chapecó 

Frederico Gutiérrez Zuluaga chegou à Câmara municipal acompanhado do prefeito Luciano Buligon 

Prefeito de Medellín é homenageado em Chapecó  Cristiano Estrela/Agencia RBS
Prefeito de Chapecó, Luciano Buligon (E), e presidente da Câmara entregaram placa para prefeito Frederico Zuluaga (D) Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

As mesmas bandeiras que recepcionaram a delegação do Atlético Nacional no aeroporto de Chapecó, na tarde desta segunda-feira, trazendo os escudos da Chapecoense, Atlético Nacional e do município de Chapecó, também fizeram parte do cenário na recepção na Câmara Municipal da cidade. Por volta das 19h, Frederico Gutiérrez Zuluaga, prefeito da cidade colombiana de Medellín, chegou ao local acompanhado do prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, e outras autoridades, junto com Luiz Antônio Pallaoro, vice-presidente jurídico da Chapecoense.

A sessão solene homenageou o prefeito da cidade-irmã de Chapecó, Medellín, em respeito a todo o carinho e solidariedade prestados após o acidente com o avião da Chapecoense, em novembro do ano passado, que deixou 71 mortos entre atletas, dirigentes e jornalistas.

Antes de a homenagem começar, foi feito um minuto de silêncio em solidariedade às vítimas das chuvas e dos deslizamentos ocorridos na cidade de Mocoa, ao Sul da Colômbia. Em seguida, foram tocados os hinos do Brasil e da Colômbia.

O prefeito de Medellín recebeu uma placa com os dizeres: "O povo de Chapecó homenageia e eterniza os laços de amizade e gratidão à cidade de Medellin. Que as cores verde e branca sigam fortalecendo nossa amizade, mostrando ao mundo um grande exemplo de solidariedade e integração humana".

Depois, o prefeito de Chapecó entregou a Frederico Zuluaga uma réplica em cristal do monumento O Desbravador, símbolo de Chapecó.

— Feliz de estar em Chapecó. Me sinto muito bem-vindo e que pertenço a este lugar, que Chapecó é a minha casa — disse o prefeito de Medellín.

Em suas palavras, Zuluaga relembrou a data do acidente e reforçou os laços de amizade da Colômbia com o Brasil.

— A fraternidade que nasceu desta grande tristeza é indestrutível — completou.

O prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, fez um discurso bastante tocante, emocionando a todos que estavam presentes no plenário da Câmara.

— Quero agradecer à cidade de Medelín, esse amigo que se fez irmão para sempre, que desde o primeiro minuto anunciado da tragédia esteve ao lado de todos nós, até o último minuto. O destino nos tornou irmãos para sempre. Medellin e Chapecó são as capitais da solidariedade do mundo.Amanhã (terça-feira) vamos celebrar a gratidão, muito mais do que uma festa — pontuou Buligon.

Homenagens e festa marcam chegada do Atlético Nacional em Chapecó 

Chapecó está pronta para retribuir o carinho aos colombianos

Definidas as datas da Recopa Sul-Americana, entre Chape e Atlético Nacional

 
 

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteTop da Bola premia os destaques do Campeonato Catarinense 2017 https://t.co/UWYVLW03NT #LeiaNoSantahá 32 minutosRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteChapecoense pede efeito suspensivo da reversão dos pontos e acesso a informações para fundamentar novo recurso https://t.co/RfoF812vdB #Le…há 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros