Técnico do Avaí dispensa concentração para o clássico: "Vamos abrir mão do gasto" - Esportes - Santa

Versão mobile

Novidade19/04/2017 | 20h10Atualizada em 19/04/2017 | 20h10

Técnico do Avaí dispensa concentração para o clássico: "Vamos abrir mão do gasto"

Leão não tem mais chances de avançar na Primeira Liga

Técnico do Avaí dispensa concentração para o clássico: "Vamos abrir mão do gasto" André Palma Ribeiro/Avaí F.C
Foto: André Palma Ribeiro / Avaí F.C
DC Esportes
DC Esportes

O clássico com o Figueirense nesta quinta-feira, às 19h30min, pode não valer nada em termos de resultado para o Avaí, que já está eliminado da Primeira Liga. Mas, falando em ritmo para as finais do Campeonato Catarinense, a partida tem, sim, o seu valor. O técnico Claudinei Oliveira confirmou que mandará a campo força máxima no duelo no Orlando Scarpelli. Mas, o comandante revelou uma novidade para o confronto: o elenco azurra não irá concentrar, como costuma fazer em todos os outros compromissos.

- É algo cultural. Temos a cultura da concentração no Brasil, enquanto na Europa os atletas se apresentam na hora do almoço. Como este jogo não tem importância em termos de classificação, mas por causa do clássico, optamos não gastar com concentração. Vamos confiar nos atletas, deixando eles em casa e se apresentando na Ressacada para ir ao jogo. Não acredito que haverá problema, pois confio no compromentimento dos atletas. Este jogo é atípico pela classificação, então vamos abrir mão do gasto - explicou o treinador do Leão.

Apesar da novidade extracampo, dentro das quatro linhas o treinador espera um bom desempenho de seus atletas, que decepcionaram o torcedor com a derrota para o Almirante Barroso na última rodada do Estadual.

- O torcedor tem motivo para ficar chateado, mas não tem para ter grande desconfiança com os atletas e o comprometimento deles. Sabemos a maneira que a equipe conseguiu o acesso no ano passado, como citado havia salários atrasados, e todos se doaram e correram. Nunca houve falta de empenho. No jogo passado faltou concentração no início da partida e os atletas fora cobrados por isso, e sabem disso. Eu também fiquei chateado, no domingo de Páscoa não botei o pé na rua, talvez mais que todos. Os atletas sentiram também e têm a chance de dar a resposta amanhã (quinta-feira) e deixar uma boa impressão até as finais - completou Claudinei Oliveira.

O técnico também deixou claro que os atletas que jogarem o clássico serão poupados no ultimo compromisso pelo Catarinense, domingo, diante do Inter da Lages. A ideia é preparar o elenco titular para as partidas finais, contra a Chapecoense.

- Os jogadores que atuarem amanhã (quinta-feira) não jogam no domingo. Vão poder dar uma descansada. Será a oportunidade de preparar o time com um jogo forte e bom para a final. Os atletas que atuarem em Lages sabem que é uma boa oportunidade de mostrar serviço visando a formação do elenco para o brasileiro. Cada jogo tem sua motivação e vamos motiva-los da maneira mais correta na preleção. Motivação maior é vestir a camisa do Avaí, entrar em campo em partida oficial, um sonho de muitos garotos. Acredito que serão jogos que podemos ganhar ou perder, mas não vai faltar motivação.

Leia mais notícias do Avaí
Acesse a tabela da Primeira Liga
Avaí terá força máxima, no Scarpelli, em clássico pela Primeira Liga

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporte"Agora é planejar o ano que vem", diz lateral do Figueirense https://t.co/obzxqFrlEA #LeiaNoSantahá 57 minutosRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteApós garantia de permanência na Série B, Figueirense empata com o Juventude https://t.co/fa8Jm7tMiG #LeiaNoSantahá 57 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca