Para Judson, Avaí precisa de gol cedo para desequilibrar a Chape - Esportes - Santa

Ressacada03/05/2017 | 13h56Atualizada em 03/05/2017 | 13h56

Para Judson, Avaí precisa de gol cedo para desequilibrar a Chape

Volante espera que equipe balance as redes ainda no primeiro tempo, em Chapecó, para jogar pressão ao adversário e tentar o título estadual

Para Judson, Avaí precisa de gol cedo para desequilibrar a Chape André Palma Ribeiro/Avaí FC
Volante acredita que segundo tempo será vital em caso de gol no começo da decisão em Chapecó Foto: André Palma Ribeiro / Avaí FC

Um gol e depois o outro, sem ter a meta vazada. A receita é simples para que o Avaí conquiste o título do Campeonato Catarinense. Ainda que simples, não é fácil. Por isso mesmo que o volante Judson indicou um caminho para que sua equipe vença a Chapecoense, na decisão das 16h de domingo, na Arena Condá e erga o troféu de campeão estadual.

Para o atleta é essencial que o Leão bote a bola na rede verde ainda no primeiro tempo. Desta forma, a pressão troca de lado. Judson acredita que este cenário tende a desequilibrar a Chape em campo e, assim, os azurras ficarem mais próximo do segundo e necessário tento. 

— Se a gente faz um gol nos primeiros 45 minutos, muda tudo. Podemos voltar para a nossa tática e fazer o jogo de sempre. Eles têm o regulamento, não vão sair muito. Vamos ter muita calma para poder fazer o resultado necessário. Pode ser da mesma maneira do primeiro jogo: eles fizeram o gol antes dos 30 minutos e podemos fazer também para colocar essa pressão – projetou o jogador, em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira.

O plano, ainda, coincide com um ponto explorável ao Avaí: o desgaste físico do adversário. Nesta quarta, ante o Cruzeiro, o Verdão estreia na Copa do Brasil, encara o quarto jogo seguido fora de casa e segue a maratona de compromissos aos fins de semana e meio de semana, por diferentes torneios. Aspecto que pode não ter sido explorado pelo Leão no primeiro jogo, mas que volta à pauta azul para a decisão no Oeste de Santa Catarina.

— Eles jogaram quinta, domingo, jogam quarta e voltam a jogar domingo. A recuperação é importante para o atleta e isso nós temos, poderemos trabalhar a semana toda. No segundo tempo (do primeiro jogo das finais) a gente conseguiu se sobressair. Então eu acredito que eles podem sentir mais e esse ser um fator de diferença – opinou.

Mais notícias do Avaí
Acesse as últimas da Chapecoense

 
 

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteConfira as mudanças no trânsito em Florianópolis neste domingo para o Ironman https://t.co/ueD2ZPRKtd #LeiaNoSantahá 18 horas Retweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteNa estreia em casa na Série D, Brusque vence o XV de Piracicaba https://t.co/LOjVXp4imD #LeiaNoSantahá 20 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros