Ex-presidentes da Conmebol são denunciados por lavagem de dinheiro - Esportes - Santa

Versão mobile

Asunción06/06/2017 | 19h31Atualizada em 06/06/2017 | 20h00

Ex-presidentes da Conmebol são denunciados por lavagem de dinheiro

Entidade entrou no Ministério Público do Paraguai contra Nicolás Leoz e Eugenio Figueredo por "quebra de confiança, apropriação, lavagem de dinheiro, falsificação de documentos e associação"

Ex-presidentes da Conmebol são denunciados por lavagem de dinheiro Norberto DUARTE/AFP
Nicolás Leoz Foto: Norberto DUARTE / AFP
AFP
AFP

A Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol) denunciou os ex-presidentes Nicolás Leoz e Eugenio Figueredo por lavagem de dinheiro, nesta terça-feira, segundo fontes da entidade.

Leia mais:
CBF altera horário do jogo entre Chapecoense e Grêmio nesta quinta-feira
Cantor Belo processa ex-jogador Denílson por cobrança de dívida em rede social
Demoliner é eliminado nas duplas mistas de Roland Garros

–A Direção Jurídica da Conmebol informou às dez associações membras da entidade, nesta terça, que entrou com denúncia penal no Ministério Público do Paraguai por suposto envolvimento em fatos puníveis por quebra de confiança, apropriação, lavagem de dinheiro, falsificação de documentos e associação criminosa, que tanto afetaram o patrimônio da Conmebol – declarou a instituição em declaração publicada no site.

* AFP

Jornal de Santa Catarina
Busca