Jandrei: o goleiro imbatível da Chapecoense - Esportes - Santa

Versão mobile

Ele é top!06/06/2017 | 07h44Atualizada em 06/06/2017 | 07h45

Jandrei: o goleiro imbatível da Chapecoense

Com o arqueiro no gol, Chape soma cinco vitórias e dois empates

Jandrei: o goleiro imbatível da Chapecoense Sirli Freitas/Chapecoense
Foto: Sirli Freitas / Chapecoense

A surpreendente liderança da Chapecoense neste início de Brasileirão começa por um bom goleiro. Bom não, invencível. Até o momento, desde que Jandrei assumiu a meta do Verdão, no empate por 1 a 1 contra o Corinthians, no Itaqueirão, o time não perdeu. São sete jogos, cinco vitórias, dois empates e apenas três gols sofridos. Nesta soma estão computados os gols sofridos diante de Lanús e Zulia pela Libertadores da América.

Jandrei foi anunciado no dia 1º de março como reforço da Chapecoense, vindo do Tubarão, onde tinha jogado sete partidas e tomado sete gols. O goleiro de visual ¿hipster¿ era na época a terceira opção, atrás de Elias e Artur Moraes. Sem contar Tiepo, que vinha se destacando na base e foi titular em alguns amistosos do Verdão.

– Eu cheguei para ser o terceiro e tive que esperar, até porque não poderia jogar no Campeonato Catarinense por já ter atuado pelo Tubarão. Trabalhei bastante e esperei uma chance. Sabia que chegaria a hora de mostrar o meu trabalho. Precisava de uma oportunidadade – disse o goleiro.

De terceira opção a titular absoluto

E a oportunidade chegou depois que o titular Artur Moraes falhou na final do Catarinense contra o Avaí e na decisão da Recopa contra o Atlético Nacional.

Quando seria natural a volta de Elias, o técnico Vagner Mancini decidiu testar Jandrei, que vinha fazendo bons treinamentos, logo na estreia do Brasileirão, fora de casa, contra o Corinthians.

Foto: Sirli Freitas / Chapecoense

Ele entrou e mostrou muita segurança, fruto de uma boa base na escola de goleiros do Internacional. Com ótimas defesas e boa saída de gol, virou o dono da posição. A confiança no camisa 1 é tanta que, no jogo contra o Cruzeiro ele quase virou mais um jogador, de tanto que o time recuava para ele sair jogando.

– Acho que a tranquilidade me faz decidir pelas melhores escolhas com os pés durante o jogo. Fico feliz com a confiança que os jogadores têm em mim em recuar e aparecer para jogar e não esperar um chutão para frente – destacou o arqueiro.

Jandrei disse estar muito feliz com o seu momento e com a fase da Chapecoense.

– É muito importante esta sequência invicta. São cinco vitórias e dois empates nos meus primeiros jogos na Chape. Vamos buscar manter este ritmo e o momento que o time está passando. A projeção nossa é de surpreender, chegar o mais longe possível – disse o goleiro.

O próximo compromisso da Chapecoense é amanhã, às 21h45min, na Arena Condá. É a briga do líder contra o terceiro colocado, onde uma boa atuação de Jandrei será fundamental para manter a Chape no topo.

Leia também:

Leia mais sobre a Chapecoense


Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteTécnico do Avaí aprova rendimento do time: "Tivemos boas tomadas de decisões" https://t.co/fGeeI1oIzx #LeiaNoSantahá 29 minutosRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporte"A gente devia essa vitória para a torcida", diz o técnico do Figueirense https://t.co/SYbqJGxW7Q #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros