Federer elimina Berdych e fará 11ª final de Wimbledon contra Cilic - Esportes - Santa

Versão mobile

Londres14/07/2017 | 15h34

Federer elimina Berdych e fará 11ª final de Wimbledon contra Cilic

AFP
AFP

O suíço Roger Federer, sete vezes campeão de Wimbledon, disputará a final de Wimbledon pela 11ª final na carreira, após vencer nesta sexta-feira nas semifinais do torneio disputado na lendária grama londrina o tcheco Tomas Berdych em três sets, 7-6 (7/4), 7-6 (7/4) e 6-4.

Federer, número 5 do mundo, tentará conquistar um 19º título de Grand Slam na carreira, um recorde, e enfrentará pelo troféu em Londres o croata Marin Cilic (6º), que mais cedo avançou pela primeira vez à final de Wimbledon ao derrotar o americano Sam Querrey (28º) em quatro sets, 6-7 (6/8), 6-4, 7-6 (7/3) e 7-5.

Caso se sagre campeão no domingo, Federer estabeleceria também um recorde de títulos de Wimbledon, acabando com o empate em 7 troféus com o americano Pete Sampras e o britânico William Renshaw.

Com Rafael Nadal, Andy Murray e Novak Djokovic fora das semifinais de Wimbledon neste ano, todas as atenções e esperanças estão depositadas em Federer, único grande favorito a sobreviver no torneio, isso sem ter perdido um set sequer até a final. Agora, o suíço está a um passo de mais um triunfo, cinco anos depois de seu último título no All England Club.

Aos 35 anos, Federer está vivendo uma renascimento impressionante em 2017. Foi o grande protagonista da primeira metade do ano, com títulos no Aberto da Austrália, Indian Wells e Miami.

Após a turnê norte-americana, Federer optou por descansar o joelho operado no ano passado e não disputou a temporada de saibro, inclusive abdicando de participar de Roland Garros, de olho em estar em plena forma para Wimbledon. A aposta deu certo.

- Cilic elimina Querrey -

Na final, Federer reencontrará Cilic, que no ano passado chegou a ter três match-points no confronto entre os dois tenistas, pelas quartas de final do Grand Slam londrino. Naquela partida, o suíço conseguiu segurar a pressão e virar o jogo, se classificando às semifinais, nas quais foi eliminado pelo canadense Milos Raonic.

Cilic, campeão do US Open-2014, se tornou o segundo croata a alcançar a final de Wimbledon, seguindo os passos de seu ex-técnico Goran Ivanisevic, campeão em 2001.

Treinado atualmente pelo sueco Jonas Bjorkman, Cilic precisou esperar por sua 11ª participação em Wimbeldon para chegar à final do torneio pela primeira vez.

Cilic jogará sua segunda final de Grand Slam. Há três anos, conquistou o título em Nova York, onde venceu Federer nas semifinais e o japonês Kei Nishikori na final.

Nesta sexta, o croata derrubou um gigante da mesma altura (1.98 m), derrotando Querrey na 'batalha de aces' (25 contra 13).

"Foi uma batalha dura, com um alto nível de jogo. Ele sacou muito bem no primeiro set. Depois acho que fui melhor na devolução e coloquei ele em mais dificuldade", analisou Cilic, que manteve a invencibilidade contra Querrey (5 vitórias).

- Resultados desta sexta-feira em Wimbledon:

Simples Masculino (Semifinais):

Marin Cilic (CRO/N.7) x Sam Querrey (EUA/N.24) 6-7 (6/8), 6-4, 7-6 (7/3), 7-5

Roger Federer (SUI/N.3) Tomas Berdych (TCH/N.11) 7-6 (7/4), 7-6 (7/4) e 6-4

* AFP

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteFluminense perde para LDU (2-1) mas garante vaga nas quartas de final da Copa Sul-americana https://t.co/KFGWCBpOzA #LeiaNoSantahá 3 minutosRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteArena Joinville completa mais um aniversário na próxima semana https://t.co/5Yfr9TgDQM #LeiaNoSantahá 3 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros