Rivaldo treina com o Figueira e acerta contratação do sobrinho - Esportes - Santa

Versão mobile

Reforço de nome05/07/2017 | 17h45Atualizada em 05/07/2017 | 18h56

Rivaldo treina com o Figueira e acerta contratação do sobrinho

Romildo será integrado ao time júnior do Furacão

Rivaldo treina com o Figueira e acerta contratação do sobrinho Luiz Henrique/Figueirense
Rivaldo vestiu o colete de treino e participou do trabalho com o grupo do Furacão Foto: Luiz Henrique / Figueirense
DC Esportes
DC Esportes

A equipe júnior do Figueirense ganhou um camisa 10 que tem sangue de campeão do mundo. Trata-se de Romildo Vitor Gomes Ferreira Neto, 19 anos, sobrinho do ex-jogador Rivaldo, pentacampeão Mundial com a Seleção Brasileira em 2002. O jovem atleta foi apresentado nesta quarta-feira no Centro de Formação e Treinamento do Cambirela, em Palhoça. 

Aos 45 anos, dono de uma carreira de sucesso no futebol mundial, Rivaldo conversou com o grupo principal do Figueira e elogiou a estrutura do clube. Depois da coletiva, ele participou de um trabalho com bola no campo do Cambirela. Sobre Romildo, espera que tenha sucesso no Furacão. 

— Ele não está aqui só porque é meu sobrinho, ele joga muito bem, e vocês vão ver isso, é jogador com característica muito boa. É diferente do meu tipo, não é atacante, eu jogo com a 9, esse aqui é um 10. Espero que ele possa ter sucesso aqui. Agora só depende dele — elogiou. 

Romildo iniciou a carreira no Mogi Mirim e tem passagem pelo Flamengo. Ele agradeceu a oportunidade e brincou que, se jogar 1% do que o padrinho jogou, já estará satisfeito. Ainda mostrou serenidade ao ressaltar que quem vai vestir a camisa do Furacão não é Rivaldo. 

Romildo (D) ressaltou que quem vai jogar é ele, e não o tio  Foto: Figueirense / Luiz Henrique

— Sou sobrinho do Rivaldo, mas quem vai jogar bola, fazer gols, todo o esforço e toda dedicação sou eu. Agradeço ao Figueirense pela oportunidade. Tenham certeza que eu vou dar o meu máximo para retribuir toda a confiança que o presidente está me dando — disse Romildo.

Antes de encerrar a coletiva, Rivaldo complementou as palavras do sobrinho.

— Ele tem que jogar por ele, não pelo Rivaldo. Eu confio nele, ele tem que confiar nele. Ele tem que mostrar que joga futebol.

Leia mais notícias do Figueirense 
Confira a tabela da Série B

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporte"Decisão precipitada", avalia Marcus Silva sobre pedido de impeachment do presidente do JEC https://t.co/9mYinqJ6Cz #LeiaNoSantahá 25 minutosRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporte"O torcedor vai apoiar e vamos fazer o nosso melhor", projeta lateral do Avaí https://t.co/Uxp2NKA6Jp #LeiaNoSantahá 40 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca