Técnico do Criciúma vai definir grupo que enfrenta o Boa na terça: "Jogadores que estejam inteiros" - Esportes - Santa

Versão mobile

desgaste físico15/07/2017 | 07h00Atualizada em 15/07/2017 | 07h00

Técnico do Criciúma vai definir grupo que enfrenta o Boa na terça: "Jogadores que estejam inteiros"

Luiz Carlos Winck tem a volta de alguns titulares que cumpriam suspensão automática, mas perde o goleiro Luiz pelos cartões amarelos

Técnico do Criciúma vai definir grupo que enfrenta o Boa na terça: "Jogadores que estejam inteiros" Caio Marcelo / Especial/Especial
Foto: Caio Marcelo / Especial / Especial

Depois da vitória em casa que mantém o Criciúma vivo na caminhada rumo ao G-4, o objetivo agora é descansar. Depois da reapresentação pela manhã, o resto do sábado vai ser folga para o elenco carvoeiro, que no domingo faz um último trabalho no Centro de Treinamento do Bairro Cristo Redentor, antes de embarcar para Minas Gerais. Na terça-feira, o Tigre enfrenta o Boa Esporte às 21h30min, e com o curto espaço de tempo entre as partidas, o foco é a recuperação dos jogadores.

— É tentar recuperar o máximo os atletas. Vou modificar, a apresentação será sábado às 10h e vou dar a parte da tarde para eles descansarem mais, voltamos domingo pela manhã cedo e já vamos viajar depois ao meio-dia, para que a gente tenha um dia a mais lá de descanso. Agora é descanso, vamos ver a questão do pessoal que estava fora, o contrato do Caio Rangel, para a gente definir a questão da viagem pois tem uma cota de 18 atletas apenas, e tem que balançar bem isso para levar jogadores que estejam inteiros, para que possa fazer um belo jogo fora de casa — explica o técnico Luiz Carlos Winck.

Diego Giaretta, que foi substituído no segundo tempo, vem de uma sequência forte de jogos, e sentiu o cansaço. Jocinei, que está sem ritmo de jogo, também saiu de campo exaurido. O goleiro Luiz, que levou o terceiro cartão amarelo, vai cumprir suspensão automática contra o Boa. Edson é quem assume a posição, depois de uma partida em que Luiz foi um dos nomes do jogo. Ele recebeu elogios do treinador, que exaltou o empenho de todo o grupo na vitória sobre o Goiás.

— Temos que ressaltar a qualidade do Luiz, em momento importante, você vê como é bom ter um goleiro que transmite segurança para a equipe, e o coletivo, porque todos procuraram dar sua parcela de contribuição. Ressalto o empenho do grupo, sabedor do quanto é difícil jogar em casa com a obrigação de vencer, e nós conseguimos. São cinco jogos no meu comando, quatro vitórias e um empate, é sim um rendimento muito bom para os jogos dentro de casa — destacou Winck.

Ainda sobre os números, a invencibilidade do Criciúma tem chamado a atenção da torcida e dos adversários, que querem quebrar a sequência de nove rodadas. Winck evita falar sobre o assunto, mas fica feliz em contabilizar o seu aproveitamento como treinador do Tigre.

— A questão dos nove jogos nem gosto de falar muito porque começa a trazer uma carga maior de responsabilidade para cima da equipe, mas fico feliz demais porque dos 11 jogos no meu comando, temos apenas uma derrota, e isso é importantíssimo — ressaltou.

Leia mais:
Com boa atuação na lateral-direita, Maicon Silva exalta vitória: "É bom ganhar, bom voltar a jogar"
Criciúma vence o Goiás e volta a se aproximar da zona de acesso à elite
Leia mais informações sobre o Criciúma 
Acesse a tabela da Série B

Siga SantaEsporte no Twitter

  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporteMilton Cruz será mantido no comando técnico do Figueirense em 2018 https://t.co/pwZ7T69gM0 #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
  • SantaEsporte

    SantaEsporte

    SantaEsporte"Agora é planejar o ano que vem", diz lateral do Figueirense https://t.co/obzxqFrlEA #LeiaNoSantahá 2 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca