Real Madrid viaja à Dortmund para manter liderança na Liga dos Campeões - Esportes - Santa

Versão mobile

Dortmund25/09/2017 | 11h11

Real Madrid viaja à Dortmund para manter liderança na Liga dos Campeões

AFP
AFP

O Real Madrid viaja para encarar o Borussia Dortmund, nesta terça-feira, pela segunda rodada do grupo H da Liga dos Campeões, para manter o ritmo após vitória na estreia, enquanto os alemães querem se recuperar da derrota para o Tottenham.

Os merengues lideram a chave, após iniciarem a competição com vitória por 3 a 0 sobre o Apoel. O time espanhol confirmou o enorme favoritismo diante do rival mais frágil do grupo, começando com o pé direito a defesa do bicampeonato europeu.

Na terça-feira, no Signal Iduna Park de Dortmund, Cristiano Ronaldo e companhia vão enfrentar a primeira prova de fogo do torneio. No ano passado, os times se enfrentaram na fase de grupos com empate em 2 a 2 na Alemanha.

"O campo do Borussia é muito complicado. Eles apertam muito e existe uma grande pressão, mas gostamos desses jogos. Nunca vencemos lá e queremos jogar bem para conquistar os três pontos", comentou o zagueiro Nacho em entrevista a um dos patrocinadores do clube.

No entanto, os espanhóis lutam dentro de casa para alcançar o Barcelona. Os catalães têm 100% de aproveitamento e lideram a Liga a 7 pontos de distância do time da capital.

Na Champions, Zinedine Zidane vai sofrer para montar o time, já que conta com muitos desfalques por lesão. Antes do último jogo contra o Alavés (2-1), o francês informou que não vai contar com o lateral Theo Hernández lesionado no ombro.

Além do jovem, Zizou não pode escalar os machucados Marcelo, Karim Benzema e Mateo Kovacic. Toni Kross, com dores nas costas, também é dúvida.

- Muralha amarela -

No ataque, Zidane deve contar com o retorno de CR7. O português marcou duas vezes na vitória sobre o Apoel e vai estar acompanhado do galês Gareth Bale e do jovem Marco Asensio para furar a muralha alemã. O time de Dortmund é a melhor zaga da temporada nas grandes ligas europeias.

Sob o comando de Peter Bosz, o Borussia sofreu apenas um gol em seis jogos da Bundesliga. O time amarelo e preto lidera a competição com dois pontos de vantagem sobre o Hoffenheim e três sobre o principal rival Bayern de Munique.

Mas o time não se basta em defender. Com o gabonês Pierre-Emerick Aubameyang endiabrado, o time já balançou as redes 19 na competição, oito a mais que o time espanhol na Liga.

No entanto, o bom início no campeonato local não se confirmou na Liga dos Campeões. Os alemães perderam fora de casa para o Tottenham e querem compensar jogando diante de sua torcida, conhecida como Muralha Amarela e protagonista de belas festas.

"Temos que ser conscientes do rival que vamos ter pela frente. É um grande time, mas queremos manter a dinâmica de sermos protagonistas do jogo e termos a posse de bola", afirmou o zagueiro espanhol Marc Bartra ao jornal A.

Aubameyang começou o ano aterrorizando as defesas adversárias. São oito gols em seis jogos pelo campeonato alemão, sendo três na última partida vencida por 6 a 1 sobre o Borussia Mönchengladbach.

O gabonês está apoiado pelo jovem americano Christian Pulisic, que substituiu o lugar do francês Ousmane Dembélé no coração dos torcedores do Dortmund.

O jovem foi vendido ao Barcelona e para seu lugar foi contratado o ucraniano Andriy Yarmolenko, que já balançou as redes com a nova camisa e pode fazer companhia ao artilheiro da equipe no ano.

- Prováveis escalações:

Borussia Dortmund: Burki - Pisczek, Sokratis, Bartra, Toljen - Gotze, Sahin, Dahoud - Yarmolenko, Aubameyang, Pulisic.

Técnico: Peter Bosz (HOL).

Real Madrid: Keylor Navas - Carvajal, Varane, Ramos, Nacho - Modric, Casemiro, Isco - Bale, Cristiano Ronaldo, Asensio.

Técnico: Zinedine Zidane (FRA).

Árbitro: Björn Kuipers (HOL)

* AFP

Jornal de Santa Catarina
Busca