Centenário ciclista francês se aposenta aos 106 anos - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Bobigny09/01/2018 | 18h15

Centenário ciclista francês se aposenta aos 106 anos

AFP
AFP

O francês Robert Marchand, ciclista centenário que há um ano atraiu os holofotes ao percorrer mais de 22 km em uma hora, vai abandonar a prática esportiva, anunciou nesta terça-feira um amigo.

"Seus médicos não querem que ele faça grandes esforços", disse Christian Bouchard, amigo e vizinho de Marchand, confirmando informações do jornal La Marne.

Marchand vai parar de completar voltas no velódromo em busca de novos recordes, apesar de "já ter conseguido todos", acrescentou Bouchard.

Robert Marchand estabeleceu os recordes para ciclistas de mais de 100 anos e depois definiu a marca para maiores de 105 anos. As categorias foram criadas especialmente para ele, já que não tem rivais.

Em janeiro de 2017, o ciclista amador percorreu 22,547 km em uma hora, no velódromo de Saint Quentin, em Yvelines. A façanha foi transmitida ao vivo e transformou Marchand em um personagem popular na França.

Em agosto, conquistou o título de campeão do mundo de ciclismo em estrada para maiores de 105 anos. A corrida não teve concorrentes.

Buscar novos recordes seria "sofrer muita pressão e tensão", afirmou o presidente do clube de ciclistas de Mitry-Mory, ao qual Marchand está licenciado.

"Se pedala, tem que fazer isso para relaxar e por prazer", acrescentou.

Marchand nasceu em 26 de novembro de 1911, em Amiens, e trabalhou como socorrista até idade avançada, em Paris. Antes, morou na Venezuela e no Canadá.

Agora, vive em um pequeno apartamento nos subúrbios parisienses. O senhor praticar com sua bicicleta estática diariamente, segundo pessoas próximas.

* AFP

Jornal de Santa Catarina
Busca