Pochettino pede para Tottenham manter Harry Kane - Esportes - Santa

Versão mobile

Londres08/01/2018 | 13h55Atualizada em 08/01/2018 | 13h57

Pochettino pede para Tottenham manter Harry Kane

AFP
AFP

Técnico do Tottenham, o argentino Mauricio Pochettino avaliou que o time não pode torcer para manter Harry Kane sem fazer um sacrifício, apontando a saída de Philippe Coutinho para o Barcelona apesar da vontade dos Reds em ficar com o brasileiro.

"Harry é especial. Ama o Tottenham e sempre esteve no Tottenham. Mas precisamos ser inteligentes em nossa maneira de administrá-lo. O jogador deve escolher ficar aqui, não se pode obrigar um jogador a ficar", afirmou Pochettino em declarações publicadas pela imprensa britânica nesta segunda-feira.

"O disse que só jogadores especiais podem fazer carreira em apenas um clube", acrescentou o treinador dos Spurs após vitória da equipe sobre o Wimbledon (D3) por 3-0 na FA Cup.

Segundo a imprensa britânica, Kane assinou novo contrato em 2016 mas continua com salário abaixo do nível do mercado (menos de seis milhões de euros por ano).

"O Liverpool é um dos maiores clubes do mundo e olha o que aconteceu quando um jogador como Coutinho quis ir embora", indicou Pochettino.

"Olha o que aconteceu com Cristiano Ronaldo no Manchester United, com Zidane na Juventus, Figo no Barcelona... Existem muitos exemplos que demonstram que é muito difícil para todos manter o melhor jogador se ele disser que quer ir embora", acrescentou.

"Por isso é muito importante prestar atenção aos jogadores, antecipar-se aos fatos", concluiu Pochettino.

Harry Kane foi o artilheiro da Europa em 2017, superando Cristiano Ronaldo, Messi, Cavani e Lewandowski, e está na mira do Real Madrid, segundo vários veículos de comunicação.

* AFP

Jornal de Santa Catarina
Busca