Vice americano nega controvérsia sobre gays e apoia patinador - Esportes - Santa

Versão mobile

Pyeongchang08/02/2018 | 12h44

Vice americano nega controvérsia sobre gays e apoia patinador

AFP
AFP

O vice-presidente americano Mike Pence mostrou nesta quinta-feira seu pleno apoio ao patinador Adam Rippon, que representa seus país nos Jogos Olímpicos de Inverno e abertamente homossexual, e afirmou que são falsas as declarações homofóbicas a ele atribuídas.

"@Adaripp quero que saiba que ESTAMOS CONTIGO", afirmou Pence no Twitter. "Não deixe que as falsas notícias [fake news] te distraiam. Estou orgulhoso de você e de TODOS NOSSOS GRANDES atletas e minha única esperança é que você e todos da equipe dos EUA voltem com o ouro", acrescentou.

Rippon é o primeiro atleta abertamente gay nos Estados Unidos que se classifica para os Jogos de Inverno.

O patinador artístico criticou publicamente a escolha de Pence como chefe da delegação nos Jogos de Pyeongchang, já que, no passado, o vice-presidente havia se expressado a favor da chamada cura gay.

O jornal USA TODAY ressuscitou as declarações que estava em um site da campanha de Pence para o Congresso em 2000. Ese site assegurava que o então congressista republicano apoiava as terapias anti-homossexuais, o que Pence negou.

"Um jornalista que tenta distorcer uma história que 18 anos para semear a divisão. Não deixaremos que isso aconteça! #FAKENEWS," tuitou Pence.

Segundo USA Today, que citou fontes não identificadas, Rippon teria se negado a encontrar Pence em Pyeongyang.

Rippon, de 28 anos, conquistou o título de melhor patinador artístico em seu país em 2016.

* AFP

Jornal de Santa Catarina
Busca