Daiana Torquato perde para Brena Cardozo, que fatura o cinturão no WGP 45 - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Kickboxing08/05/2018 | 17h55Atualizada em 08/05/2018 | 17h55

Daiana Torquato perde para Brena Cardozo, que fatura o cinturão no WGP 45

Catarinense foi derrotada na semifinal do grand prix em Sorocaba (SP)

Daiana Torquato perde para Brena Cardozo, que fatura o cinturão no WGP 45 WGP / Divulgação/Divulgação
Foto: WGP / Divulgação / Divulgação

Não deu para a catarinense Daiana Torquato disputar o cinturão do WGP, maior evento de kickboxing do Brasil. No último sábado, em Sorocaba (SP), a atleta da Chute Boxe Floripa foi derrotada por Brena Cardozo na semifinal por decisão dos juízes. 

Na final, a estreante Brena também superou Elaine Lopes e se tornou a primeira campeã da categoria peso-pena feminino (até 56kg), e logo na primeira vez em que ela competiu no WGP.

Na luta principal, Felipe Micheletti precisou dos cinco rounds para vencer o chileno Ivan Galaz por decisão unânime e manter o título dos pesados. Micheletti soltou o jogo  pra valer a partir do quarto round, com cruzados, ganchos e forte joelhadas altas quando encurralava o adversário contra as cordas do ringue, fórmula que garantiu um knockdown e atestou a vitória por decisão unânime. Foi a segunda defesa de cinturão do lutador sorocabano.

— O desfecho não poderia ser melhor. Aqui (Sorocaba) é minha casa, tem uma energia diferente. O Ivan (Galaz) veio totalmente preparado, foi um adversário duríssimo e que valorizou cada instante da minha vitória — afirmou o campeão.

Nocaute brutal

Na primeira Super Fight entre Brasil e Argentina, o 'hermano’ Leo Corrales nocauteou o brasileiro Gustavo Piacentini de forma espetacular. Ainda no primeiro round, Corrales esperou um direto do oponente para esquivar e contragolpear com um chute alto, que atingiu em cheio no queixo e 'desligou' Piacentini imediatamente. 

Resultados oficiais do WGP 45

Felipe Micheletti venceu Ivan Galaz por decisão unânime
Brena Cardozo venceu Elaine Lopes por decisão dividida
Lucas Almeida venceu Damian Segovia por decisão unânime
Leo Corrales venceu Gustavo Piacentini por nocaute
Brena Cardozo venceu Daiana Torquato por decisão unânime
Elaine Lopes venceu Aline Pereira por decisão unânime
Diego 'Black D’ venceu Gustavo Jones por decisão unânime
Ivan Vilas Boas venceu Bruno Brasil por decisão unânime
Luís Franchischinelli venceu Marcos Carvalho por nocaute técnico 

Leia também
Morre o lutador de MMA Alan dos Santos, em Balneário Camboriú
Junior Cigano irá encarar Blagoy Ivanov no UFC em julho
Willian Lima conquista o cinturão do São José Super Fight

 
Jornal de Santa Catarina
Busca