JEC volta a tropeçar em casa na Série C e continua na lanterna - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Futebol27/05/2018 | 18h01Atualizada em 27/05/2018 | 19h02

JEC volta a tropeçar em casa na Série C e continua na lanterna

Tricolor ficou no empate por 1 a 1 com o Tupi na tarde deste domingo. Resultado complica ainda mais o time na classificação da chave B

JEC volta a tropeçar em casa na Série C e continua na lanterna Salmo Duarte / A Notícia/A Notícia
Foto: Salmo Duarte / A Notícia / A Notícia

O Joinville voltou a tropeçar em casa pela Série C do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, o JEC ficou no empate por 1 a 1 com o Tupi-MG, vice-lanterna da chave B. O resultado manteve o Tricolor na última colocação do grupo. Paulinho, pelo Tupi, e Rafael Grampola, pelo JEC, marcaram os gols do confronto.

Com apenas quatro pontos em sete rodadas, o JEC tentará a reação fora de casa no próximo domingo, às 17 horas, quando vai enfrentar o Luverdense, em Lucas do Rio Verde (MT).

A má fase na Série C e a greve dos caminhoneiros foram determinantes para a Arena estar praticamente vazia no jogo deste domingo (apenas 2 mil torcedores), entre Joinville e Tupi-MG. Dentro de campo, o Tricolor até mostrou mais atitude em comparação às últimas rodadas, mas voltou a ter dificuldades. Nos primeiros minutos, foram os mineiros que ficaram com a posse da bola. 

A partir dos 15 minutos, o JEC conseguiu mudar o panorama do duelo e passou a chegar mais ao ataque. Aos 27, levou perigo no cruzamento de Eduardo cabeceado por Breno sobre o gol de Vilar. Os donos da casa tiveram outra boa oportunidade aos 42 minutos. Jonas cobrou lateral, Michel Schmöller desviou e Breno finalizou. A zaga salvou o gol.

A resposta do Tupi veio com a melhor oportunidade do primeiro tempo, aos 46. Magalhães cruzou, a bola bateu na defesa do JEC e sobrou para Reis que, sozinho, finalizou em cima de Emerson. 

No segundo tempo, o técnico Márcio Fernandes colocou Davi no lugar de Jean Lucas. O camisa 17 entrou bem na partida e logo aos dois minutos quase marcou. Jonas cruzou, Breno bateu e, na sobra, Davi acertou o travessão. Os visitantes responderam com Paulinho e Reis aos cinco e dez minutos, respectivamente. Nas duas ocasiões, os atacantes carregaram a bola pelo lado esquerdo e bateram para defesas de Emerson. 

O confronto continuou equilibrado e, aos 12, Schmöller passou a Grampola, que girou e bateu à direita de Vilar. Quando o Joinville parecia estar mais próximo do gol, veio o golpe. Aos 26, Paulinho arriscou de fora da área e acertou o canto esquerdo de Emerson, abrindo o placar na Arena Joinville. 

O gol atormentou a Arena, mas o JEC conseguiu reagir. Aos 38, Breno cruzou na cabeça de Davi que perdeu o gol. Logo depois, aos 41, Breno cruzou outra bola. Misael desviou para o meio e Rafael Grampola fuzilou. 

Ficha técnica
Joinville 1 x 1 Tupi

Joinville: Emerson; Jonas, Gualberto, André Baumer e Eduardo; Roberto, Michel Schmöller (Kadu), Breno, Jean Lucas (Davi) e Mádson (Misael); Rafael Grampola
Técnico: Márcio Fernandes

Tupi: Vilar; Afonso, Sidimar, Wellington (Mateus) e César (Paulinho); Marcel, Léo Salino, Diego, Rodrigo Dantas, Magalhães; Reis
Técnico: Eugênio Souza

Arbitragem: Zandick Alves Junior (RN) auxiliado por Flavio Gomes Barroca (RN) e Francisco Assis da Hora (RN).
Local: Arena Joinville
Data: 27/5/2018
Horário: 16 horas.
Público: 2.054
Renda: R$ 41.930,00
Gols: Paulinho, aos 26' do 2ºT (Tupi) e Rafael Grampola aos 41' do 2ºT (JEC)

 
Jornal de Santa Catarina
Busca