Löw responde Sandro Wagner, incomodado por não convocação - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Berlim18/05/2018 | 13h27

Löw responde Sandro Wagner, incomodado por não convocação

AFP
AFP

O técnico da seleção da Alemanha, Joachim Löw, respondeu com dureza o atacante Sandro Wagner, nesta sexta-feira, depois do jogador do Bayern de Munique anunciar sua aposentadoria da Mannschaft após não ser sido convocado para a Copa do Mundo.

"Eu me aposento imediatamente da seleção nacional. Mentiria se dissesse que não estou decepcionado. A Copa do Mundo teria sido algo espetacular", indicou Wagner ao jornal Bild na quinta-feira.

"Para mim, está claro que minha forma de ser, sempre aberta, honesta e direta ao abordar as coisas, aparentemente não concorda com o grupo de treinadores", avaliou.

Löw respondeu às declarações: "entendo como uma crítica a seus colegas. Apresenta alguns deles, que jogam com a gente há uma eternidade, que são líderes do grupo, como se fossem verdadeiros idiotas. Como se estivessem conosco unicamente porque não expressam suas opiniões".

"Entendo que esteja decepcionado, é claro, mas acho sua reação um pouco exagerada. Todos o que nos conhecem sabem como sempre nos comprometemos com os jogadores para que emitam suas opiniões. Isto é muito importante para nós", acrescentou.

Profissional desde 2006, a carreira de Sandro Wagner decolou aos 30 anos. O atacante jogou oito vezes na seleção alemã.

* AFP

 
Jornal de Santa Catarina
Busca