Técnico da seleção peruana clama por reversão da punição de Guerrero - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Lima16/05/2018 | 16h41

Técnico da seleção peruana clama por reversão da punição de Guerrero

AFP
AFP

O técnico da seleção peruana, Ricardo Gareca, clamou nesta quarta-feira pela reversão da punição da Corte Arbitral do Esporte (CAS) que tirou o capitão Paolo Guerrero da Copa do Mundo da Rússia.

"Acreditamos que a suspensão é totalmente injusta. Acho que a FIFPro deveria se pronunciar. Isso não tem sentido, de alguma maneira é preciso reverter", disse o treinador argentino durante coletiva de imprensa.

"É algo que deve ser revisado urgentemente", indicou o ex-comandante do Palmeiras.

Segundo Gareca, o caso de Guerrero "precisa ter um alcance mundial porque qualquer jogador pode estar nesta situação".

A decisão do CAS amplia de seis para 14 meses a punição de Guerrero por doping, o que automaticamente tira o atacante da Copa da Rússia.

"Se prejudica uma carreira inquestionável, demonstrada através dos anos. O futebol mundial não deveria permitir", disse de maneira enfática Gareca.

A FIFPro emitiu um comunicado na terça-feira (15) fazendo "um chamado urgente à Fifa" para abordar o tema do jogador do Flamengo.

A associação internacional de jogadores de futebol avaliou que a suspensão do CAS é "injusta e desproporcional".

Gareca demonstrou tom enérgico durante a coletiva de imprensa, que teve declaração de solidariedade a Paolo Guerrero.

"Quero expressar meu mal-estar por como se manejou o caso de Paolo. Estou muito incomodado com esta situação, porque hoje Paolo tinha que estar aqui treinando com a gente", indicou.

* AFP

 
Jornal de Santa Catarina
Busca