Sólida defesa iraniana desafia CR7 em disputa com oitavas em jogo - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Saransk24/06/2018 | 11h21

Sólida defesa iraniana desafia CR7 em disputa com oitavas em jogo

AFP
AFP

Com quatro gol em dois jogos, Cristiano Ronaldo começou com o pé direito a Copa do Mundo da Rússia, mas Portugal ainda não tem assegurada a classificação para as oitavas, uma passagem que buscará nesta segunda-feira contra a equipe iraniana que demonstrou uma sólida defesa.

Portugal pode aspirar a acabar como primeiro do Grupo B, dependendo do resultado de Espanha e Marrocos, e o empate poderia levá-lo para a próxima rodada. No entanto, a equipe também poderia ser eliminada em caso de derrota.

A atuação de CR7 contra a Espanha e o gol da vitória contra o Marrocos mostram que o melhor desta seleção talvez seja o seu ponto fraco. Contar com o cinco vezes Bola de Ouro é uma grande vantagem, mas a equipe também sofre de uma "Ronaldodependência" e terá que ver como reage quando o atacante do Real Madrid não acerta o gol adversário.

Outro problema para o técnico Fernando Santos será saber se poderá contar ou não com João Moutinho, o meia do Mônaco, uma das peças-chave da tática portuguesa, que não treinou nem sexta nem sábado por uma doença e será dúvida para a partida contra o Irã.

A seleção iraniana, que conta com os três pontos de sua vitória contra o Marrocos na primeira rodada, pode surpreender e se classificar para as oitavas se vencerem os atuais campeões da Europa.

A equipe treinada pelo português Carlos Queiroz já mostrou contra o Marrocos e, sobretudo, contra a Espanha na segunda rodada (apesar de perder por 1 a 0), que é uma equipe bem organizada no setor defensivo, que deixa poucos espaços para o adversário e que contra a 'Roja' só levou um gol de Diego Costa e de rebote.

Contra os espanhóis demonstraram que não apenas sabem se defender, como também atacar com perigo e criar chances de gol.

A partida entre "Espanha e Irã foi uma excelente advertência para todos, jogadores e técnicos", admitiu esta semana Fernando Santos à imprensa de seu país. "Será um jogo muito complicado, ao contrário do que alguns podem achar", insistiu.

O Irã também conta com a vantagem de ter como técnico aquele que treinou a seleção portuguesa em 2010 e que conhece bem a perfeição dos jogadores portugueses e, especialmente, de CR7, com que não ficou bem após sua passagem pela seleção.

No momento que a partida começar, os portugueses já saberão o adversário das oitavas, a anfitriã Rússia ou o Uruguai de Cavani e Suárez (já classificados no Grupo A, embora não se saiba a ordem). Mas a seleção de Portugal não farão bem em pensar no adversário da próxima rodada antes de enfrentar os iranianos, que também contarão com a presença significativa dos torcedores na Mordovia Arena de Saransk.

- Escalação provável:

Irã: Alireza Beiranvand - Ramin Rezaian, Majid Hosseini, Morteza Pouraliganji, Ehsan Haji Safi - Omid Ebrahimi, Saeid Ezatolahi (ou Masoud Shojaei) - Karim Ansari Fard, Vahid Amiri, Mehdi Taremi - Sardar Azmoun. Técnico: Carlos Queiroz.

Portugal: Rui Patricio - Cédric Soares, Pepe, José Fonte, Raphaël Guerreiro - João Mario (o Bruno Fernandes), Bernardo Silva, Joao Moutinho (ou Adrien Silva), William Carvalho - Gonzalo Güedes, Cristiano Ronaldo. Técnico: Fernando Santos.

Árbitro: Enrique Cáceres (PAR)

* AFP

 
Jornal de Santa Catarina
Busca