Cristiano Ronaldo deixa Real Madrid e assina pela Juventus - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Madri10/07/2018 | 13h28

Cristiano Ronaldo deixa Real Madrid e assina pela Juventus

AFP
AFP

Após nove anos no Real Madrid, o astro português Cristiano Ronaldo deixou o clube onde se tornou uma lenda para iniciar uma "nova etapa" na Juventus, nesta terça-feira, em transferência que sacode o mundo do futebol.

"O Real Madrid C. F comunica que, atendendo à vontade e o pedido expressado pelo jogador Cristiano Ronaldo, concordou em transferi-lo para a Juventus F. C", informou o clube merengue em comunicado que encerra semanas de especulações.

Foi o próprio CR7 quem iniciou as especulações no dia 26 de maio, poucos minutos depois de levantar o tricampeonato consecutivo da Liga dos Campeões. O craque afirmou que tinha sido "muito bonito" defender o Real Madrid.

Um mês e meio depois, tanto o clube quanto o jogador anunciaram de maneira coordenada sua saída para assinar pela Juventus, que segundo a imprensa espanhola vai pagar 105 milhões de euros na transferência. Ronaldo vai ter contrato de quatro anos com salário de 30 milhões de euros por temporada.

"Estes anos no Real Madrid, e nesta cidade de Madri, foram possivelmente os mais felizes da minha vida", comentou CR7 em carta de despedida publicada no site do clube merengue.

"Ainda assim, acho que chegou o momento de abrir uma nova etapa na minha vida e por isso pedi ao clube que aceitasse minha transferência. Sinto assim e peço à todos, em especial aos nossos seguidores, que por favor compreendam", acrescentou o jogador português de 33 anos.

Cristiano Ronaldo chegou a Madri em 2009, com status de estrela mundial e uma Bola de Ouro, após ser contratado ao Manchester United. Na capital espanhola, CR7 ampliou seu legado ao liderar o Real Madrid em quatro títulos da Liga dos Campeões e dois títulos do Campeonato Espanhol.

No período com a camisa merengue, Ronaldo venceu outras quatro Bolas de Ouro e se tornou o maior artilheiro da história do Real Madrid com 451 gols em 438 jogos.

"O Real Madrid quer expressar seu agradecimento a um jogador que demonstrou ser o melhor do mundo e que marcou uma das épocas mais brilhantes da história do nosso clube e do futebol mundial", destacou o clube em comunicado.

* AFP

 
Jornal de Santa Catarina
Busca