Ex-jogador do Blumenau e ex-treinador do Metropolitano, Cesar Paulista avalia campanha das equipes  - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Futebol08/08/2018 | 07h00Atualizada em 08/08/2018 | 07h00

Ex-jogador do Blumenau e ex-treinador do Metropolitano, Cesar Paulista avalia campanha das equipes 

Os dois times que se encontram nesta quarta-feira na última rodada do returno da Série B do Catarinense

Ex-jogador do Blumenau e ex-treinador do Metropolitano, Cesar Paulista avalia campanha das equipes  Patrick Rodrigues/Jornal de Santa Catarina
Para Cesar Paulista, a expectativa em torno dos clubes se cumpriu, com o Metrô na briga para subir e o Blumenau na luta para se manter na Série B Foto: Patrick Rodrigues / Jornal de Santa Catarina

Ele tem o nome gravado na história dos dois clubes. Foi jogador do Tricolor entre as décadas de 1980 e 1990, e é o treinador que mais vezes comandou o Verdão até hoje, com 101 jogos. Cesar Paulista se divide na torcida entre Blumenau Esporte Clube e Metropolitano, sempre em busca de vitórias para o futebol da cidade que o acolheu 30 anos atrás, quando foi contratado para jogar pelo Tricolor da Alameda Duque de Caxias.

Em novos momentos do futebol, os dois times de Blumenau vão se reencontrar hoje para encerrar a primeira fase da Série B do Campeonato Catarinense. O Tricolor fica por aqui e vai se organizar para outras competições, enquanto o Metrô segue às semifinais da competição, em busca do acesso à elite do Estadual. Não há muito em jogo, mas o derby blumenauense coroa, de certa forma, um bom campeonato das duas equipes:

– A expectativa era mais ou menos essa e na realidade se cumpriu. Esperava-se que o Metropolitano iria brigar para subir e o Blumenau lutaria para continuar na Série B, e foi o que ocorreu. O Blumenau até surpreendeu, mesmo com todos os problemas extracampo, chegou a brigar pelo título do returno. Os dois times fizeram o que era possível com o dinheiro que tinham – avalia Cesar, que chegou a ser cotado para treinar tanto o Tricolor quanto o Verdão.

::: Blumenau inicia venda de ingressos para duelo com Jaraguá do Sul
::: Gaspar recebe mil alunos para a Olimpíada das Apaes

Em caso de acesso do Metropolitano à Série A, Cesar vê um cenário positivo em que o blumenauense teria futebol durante boa parte do ano – somando o calendário do Metrô nos primeiros meses e o do Blumenau na Série B na metade do ano.

– Eu gostaria que subissem os dois, seria importante para a cidade, mas no cenário atual ter os times nas duas competições será interessante para o torcedor, para o calendário do futebol blumenauense – destaca o ex-camisa 10 do Tricolor e ex-comandante do Verdão.

AS CONTAS DO METROPOLITANO
Os quatro classificados para as semifinais da competição já estão confirmados, e o Marcílio Dias praticamente garantiu o título do returno. Mas alguns números ainda dão esperança ao Metropolitano. Em caso de derrota do Marcílio Dias para o Operário de Mafra hoje à noite e vitória do Metrô sobre o Blumenau, os dois times vão empatar na tabela com 19 pontos. Para passar o Marinheiro, no entanto, o Metrô precisa ainda tirar a diferença de cinco gols no saldo.

O que pode pesar a favor do time blumenauense é que o adversário do Marcílio ainda está muito interessado no campeonato. O Operário briga contra o rebaixamento e precisa da vitória para tentar passar o Guarani e escapar da Série C do Catarinense na próxima temporada.

Se a matemática for favorável e o Metropolitano faturar o returno, ganha a vantagem de decidir a semifinal em casa e deve encarar o Fluminense de Joinville. Caso as posições não mudem e o Marinheiro garanta o título, as semifinais devem ser: Metropolitano x Camboriú e Fluminense x Marcílio.

SERVIÇO
Blumenau x Metropolitano
Estádio do Sesi, na Rua Itajaí, 3434, no Vorstadt
Quarta-feira, às 20h30min
Ingressos: R$ 30 na hora e R$ 25 antecipado
Divisão dos ingressos para as torcidas: 90% do Blumenau e 10% do Metropolitano

 
Jornal de Santa Catarina
Busca