JEC apresenta novo goleiro para a disputa da Copa Santa Catarina - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Futebol30/08/2018 | 16h07Atualizada em 30/08/2018 | 16h07

JEC apresenta novo goleiro para a disputa da Copa Santa Catarina

Ricardo Vilar, 33 anos, é a primeira contratação oficializada pelo clube sob a gestão de Agnello Gonçalves

JEC apresenta novo goleiro para a disputa da Copa Santa Catarina Beto Lima / JEC/JEC
Ricardo Vilar foi apresentado na tarde desta quinta-feira pelo gerente de futebol Agnello Gonçalves (D) Foto: Beto Lima / JEC / JEC

Chegou o primeiro contratado do JEC para a disputa da Copa Santa Catarina. Ricardo Vilar, 33 anos, foi apresentado na tarde desta quinta-feira pelo gerente de futebol do clube, Agnello Gonçalves. No Tricolor, terá contrato válido por três meses. Se for bem, ficará para a disputa do Campeonato Catarinense de 2019

Vilar (como prefere ser chamado) teve passagem pelo Metropolitano no ano passado e veio com o aval do preparador de goleiros, José Alberto Quitete. Nesta temporada, atuou pelo Tupi-MG em 32 partidas — o significativo número também pesou para a sua contratação. 

A escolha do Joinville, apesar do contrato curto, aconteceu por Vilar acreditar no projeto montado pelo departamento de futebol. 

— O projeto me possibilita criar identidade no clube. Acredito nisso e estou encarando como uma grande oportunidade — afirmou o jogador. 

Apesar de ter participado do rebaixamento do Tupi-MG para a Série D, Vilar entende que vive o melhor momento da carreira pelo desempenho no time mineiro (foi protagonistas em muitos jogos) e pela sequência como titular. 

— Concordo que vivo melhor momento, até pela sequência de jogos. É necessário ter essa continuidade para conseguir manter uma regularidade. 

Vilar chamou a atenção nacionalmente e internacionalmente pela sequência de defesas que fez diante do Cuiabá, em jogo válido pela Série C deste ano. O goleiro reconheceu que o momento ajudou a alavancar a carreira.

— A repercussão foi boa pra mim, acredito que o goleiro tem que ter esse reconhecimento, é importante — concluiu.

Veja a sequência de defesas de Vilar contra o Cuiabá


 
Jornal de Santa Catarina
Busca