Metropolitano perde no Litoral, mas garante o retorno à Série A do Catarinense em 2019 - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Futebol19/08/2018 | 17h57Atualizada em 20/08/2018 | 09h47

Metropolitano perde no Litoral, mas garante o retorno à Série A do Catarinense em 2019

Verdão foi derrotado pelo Camboriú por 2 a 1, mas no agregado garante a volta à elite

Metropolitano perde no Litoral, mas garante o retorno à Série A do Catarinense em 2019 Patrick Rodrigues/Agencia RBS
Jogadores do Metropolitano celebram o gol que abriu o placar da partida em Camboriú Foto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS

Em uma semifinal com ar de decisão, o Metropolitano se impôs na casa do adversário, segurou a vantagem e garantiu o retorno à Série A do Campeonato Catarinense. Em partida no Estádio Robertão, em Camboriú, o Verdão perdeu por 2 a 1 e se classificou para a final da Série B do Estadual, o que automaticamente garante o clube na elite do ano que vem.

O Metropolitano tinha a vantagem de ter vencido a primeira partida da semifinal - no Estádio do Sesi - por 2 a 0 no domingo passado. Com isso, foi ao Litoral preparado para atacar nos contra-ataques e segurar a pressão do Camboriú. Isso até ocorreu nos primeiros 15 minutos de jogo, quando o Camboriú tentou pressionar o Metrô e até chegou perto de abrir o placar. Sem sucesso ofensivo, os donos da casa passaram a dar espaço para o Verdão, que se aproveitou a começou a criar as primeiras chances - sempre com o atacante William Paulista como referência na frente fazendo a função de pivô para lançar Ari Moura, Jean Dias e Bruninho em velocidade.

Opinião
::: Faltou maturidade, mas o Metrô conseguiu ser mais eficiente que o Camboriú em 180 minutos
::: As toneladas que saem das costas de Saulo Raitz, presidente do Metrô

Sem sofrer na defesa, o Metrô chegou perto do primeiro gol aos 28 minutos, quando Rodolfo cruzou dentro da área e a bola desviou no braço do zagueiro. Na cobrança de pênalti o goleiro Zé Carlos defendeu o chute de Jean Dias e, no rebote, Douglas perdeu um gol feito para o Metropolitano.

A chance desperdiçada não fez o time visitante perder o foco e a consistência consagrou a equipe. Aos 38 minutos Bruninho fez boa jogada em velocidade pela esquerda e cruzou para William Paulista, que chutou no canto e fez o gol do acesso.

Camboriú x Metropolitano , Série B do Catarinense , Estádio Roberto Santos Garcia , Camboriú
Willian Paulista toca na saída do goleiro Zé Carlos para marcar o gol do Metropolitano no Estádio Roberto Santos GarciaFoto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS

:: Marcílio Dias empata com Fluminense de Joinville e avança à final da Série B do Estadual

Na segunda etapa o Camboriú veio inteiro para atacar o Metropolitano e abriu ainda mais espaços para os contragolpes. Logo nos primeiros 10 minutos de bola rolando o Verdão teve duas oportunidades de ampliar o placar mas desperdiçou. Do outro lado, o Cambura pressionou até conseguir o empate aos 13 minutos, com Jean Carlos.

O jogo seguiu com o Camboriú pressionando em busca da virada, mas parando na boa atuação do goleiro Igor e no time do Metropolitano embalado pela torcida que não parou de cantar em momento algum. Ainda deu tempo do Camboriú virar o placar, de pênalti, com Aldair aos 45 do segundo tempo. No entanto, não era o bastante para o time do Litoral e mesmo com a derrota por 2 a 1 time de Blumenau garantiu o retorno à elite.

O Metropolitano vai agora para a final da Série B encarar o Marcílio Dias, que se classificou mesmo empatando com o Fluminense de Joinville em 2 a 2. Por ter sido campeão do returno, o Marinheiro tem a vantagem de decidir o título em casa, no domingo que vem. A primeira partida da final será quarta-feira em Blumenau, no Estádio do Sesi, em horário a ser definido.

Ficha técnica:

CAMBORIÚ 2
Zé Carlos; Mota, Igor, Gabriel Peres e Ruan; Higor Martins, Tiago Pará, Aldair e Paulinho; Flávio Paulino e Jean Carlos. Técnico: Mauro Ovelha.

METROPOLITANO 1
Igor; Paulinho, Elton, Douglas e Rodolfo; Palhinha, Zé Victor, Bruninho, Jean Dias (Eduardo) e Ari Moura; William Paulista. Técnico: Marcelo Mabília.

Gols: William Paulista (M) aos 38 do 1º tempo, Jean Carlos (C) aos 13 do 2º tempo e Aldair (C) aos 45 do 2º tempo.
Arbitragem: Ramon Abatti Abel, auxiliado por Kleber Lucio Gil, Helton Nunes e Luiz Augusto Silveira Tisne.
Local: Estádio Roberto Santos Garcia, em Camboriú. Ontem à tarde. 

 
Jornal de Santa Catarina
Busca