Pouca ação na pista motivou saída de Alonso da Fórmula 1 - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Londres16/08/2018 | 20h50

Pouca ação na pista motivou saída de Alonso da Fórmula 1

AFP
AFP

O bicampeão do mundo espanhol Fernando Alonso revelou nesta quinta-feira que tomou a decisão de abandonar a Fórmula 1 porque "a ação na pista era pobre".

Alonso vai deixar a principal categoria do automobilismo mundial ao final desta temporada. O espanhol vai competir no mundial e resistência e nos Estados Unidos, onde precisa vencer a 500 milhas de Indianapolis para conquistar a "Tríplice coroa" do automobilismo.

"O que acontece na pista não é o que sonhava quando me juntei à F1, nem quando estava em outras categorias, nem o que experimentei em outros anos", disse Alonso ao site www.autosport.com. O espanhol está em Silverstone, no Reino Unido, onde vai participar da corrida das Seis Horas neste final de semana.

"Deixei porque a ação na pista, na minha opinião, é bastante pobre. De fato, o que mais se fala na Fórmula 1 não é o que acontece na pista", avaliou.

"Fala-se das polêmicas, das mensagens de rádio. Fala-se de todas essas coisas e quando se fala tantas vezes destas coisas é um mal sinal", indicou.

* AFP

 
Jornal de Santa Catarina
Busca