Metropolitano se prepara para a Copa Santa Catarina de olho no cenário nacional - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Futebol14/09/2018 | 08h00Atualizada em 14/09/2018 | 08h00

Metropolitano se prepara para a Copa Santa Catarina de olho no cenário nacional

Depois do título da Série B do Catarinense, Verdão entra em campo pela Copinha domingo

Metropolitano se prepara para a Copa Santa Catarina de olho no cenário nacional Sidnei Batista/Metropolitano
Um dos destaques do título da Série B, Ari Moura teve o contrato renovado e segue no clube Foto: Sidnei Batista / Metropolitano

Um olho no peixe, outro no gato. Ao mesmo tempo em que mira a disputa da Copa Santa Catarina, o Metropolitano também está visando a Copa do Brasil. Depois do acesso à Série A e o primeiro título oficial, o clube blumenauense tem o objetivo de voltar ao cenário nacional. E o caminho mais fácil para entrar na competição mais democrática do país é justamente via Copinha que começa a partir de domingo.

No elenco, o Verdão de Blumenau conseguiu um grande trunfo que foi a renovação do contrato com quatro dos principais jogadores da conquista da Segundona: o lateral-direito Paulinho, o zagueiro Elton, o meia-atacante Ari Moura e o atacante William Paulista, responsáveis por 22 dos 37 gols feitos pelo Metrô na competição. Além disso, contratou o meio-campo Cainan Lewandowski, que estava no Operário de Mafra, e teve o retorno dos também meias Jonatha, que estava emprestado ao Avaí, e Ruan, que havia sido cedido ao futebol turco. O time ainda contou com a volta do atacante Alemão e trouxe Paulinho, volante do Camboriú.

De modo geral o grupo do Metropolitano teve apenas uma semana de descanso após a Série B e, por isso, chega entrosado para a Copa Santa Catarina. De olho no segundo troféu do ano, o time titular para a estreia contra o JEC deve ter sete dos 11 jogadores que venceram a Segunda Divisão. 

::: Em evento com patrocinadores, Metrô lança novo programa de sócios com plataforma online
::: Da queda à ascensão: Metropolitano projeta quitar dívidas e voltar aos torneios nacionais

Positividade anima integrantes do clube

Na avaliação do presidente do time, Saulo Raitz, há uma perspectiva positiva pelo fato do clube ter conseguido manter bons nomes para a Copinha.

– Temos uma boa expectativa, já que conseguimos manter 80% do elenco e contratar atletas para posições específicas. Acho que vamos conseguir fazer um bom trabalho e a perspectiva é muito boa. Temos uma ótima oportunidade, até porque as duas equipes que mais investiram, Brusque e Tubarão, estão na outra chave. Nosso elenco ficou bom e estamos otimistas – avalia Raitz.

No único jogo-treino feito em preparação para a competição contra o Sub-20 do Avaí, o técnico Marcelo Mabília optou por colocar em campo o chamado time reserva, que acabou empatando em 1 a 1. O gol do Verdão de Blumenau foi anotado por Curtipassi.

A estreia do Metropolitano na Copa Santa Catarina será domingo, às 15h30min, no Estádio do Sesi, contra o Joinville. Os ingressos antecipados estão à venda a preço único de R$ 20, e podem ser adquiridos no site ingressodevantagens.com.br. Hoje, no local do jogo, a comissão técnica faz um treino coletivo para a definir titulares. Amanhã, às 10h, ocorre o último treino antes do jogo.

A competição

• A Copa Santa Catarina 2018 terá 12 times, divididos em dois grupos. Na Chave A estão Metropolitano, Joinville, Blumenau EC, Hercílio, Fluminense de Joinville e Figueirense. Na Chave B estão Brusque, Tubarão, Almirante Barroso, Marcílio Dias, Internacional de Lages e Operário de Mafra. 

• Dois clubes de cada grupo se classificam às semifinais, em jogos de ida e volta, em que o mandante da segunda partida será o primeiro colocado na fase anterior. 

• Os jogos decisivos estão marcados para os dias 18 e 11 de novembro e o campeão terá vaga na Copa do Brasil de 2019. 

• No ano passado, o Tubarão ficou com o troféu e com a vaga.

 
Jornal de Santa Catarina
Busca