CR7 volta a Manchester para duelo Juve-United na Champions - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Paris22/10/2018 | 12h49

CR7 volta a Manchester para duelo Juve-United na Champions

AFP
AFP

Agora na Juventus, Cristiano Ronaldo volta a Old Trafford, o estádio que deixou há quase uma década para se tornar uma lenda mundial no Real Madrid, para enfrentar o Manchester United nesta terça-feira, no duelo estelar da terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Dentro de campo, Ronaldo vem encontrando o caminho das redes pelo novo clube, anotando o gol no empate de sábado com o Genoa (1-1). Mas, no âmbito pessoal, o português vive momento complicado, sendo investigado nos Estados Unidos após as acusações de estupro da ex-modelo Kathryn Mayorga.

O caso teria acontecido em junho de 2009, quando o atacante ainda era jogador do Manchester United, pouco antes de se transferir para o Real Madrid. Um ano antes, havia conquistado sua primeira Liga dos Campeões, trampolim para sua primeira Bola de Ouro.

"Eu vejo um Cristiano Ronaldo sereno, embora esteja atravessando um período complicado com tudo que está acontecendo fora de campo", admitiu o zagueiro Andrea Barzagli, seu companheiro de Juve.

Após umas primeiras semanas de aclimatação, parece que a estrela portuguesa se adaptou a Turim e à Juve. Para a imprensa italiana, falta agora o time imitar a vontade em campo demonstrada pelo português.

"Na terça-feira, em Manchester, será preciso uma Juventus na mesma onda que Ronaldo", escreveu o diário esportivo Tuttosport.

CR7 se viu beneficiado pelo descanso que teve nas últimas duas datas Fifa, nas quais optou por não defender a seleção de Portugal para melhorar seu condicionamento físico e se familiarizar com os novos companheiros de Juventus e com o esquema do técnico da equipe, Massimiliano Allegri.

A Juventus, que lidera o grupo H da Champions com duas vitórias em dois jogos, não poderá contar em Manchester com o atacante croata Mario Mandzukic, que sofreu uma lesão no tornozelo.

No United, que vem encontrando um pouco de paz após um início caótico de temporada, o maior desfalque será o do chileno Alexis Sánchez, segundo confirmou nesta segunda-feira o técnico José Mourinho, sem explicar os motivos da ausência do atacante.

Na outra partida do grupo, o Valencia buscará seu primeiro triunfo nesta edição da Champions na Suíça contra o Young Boys.

- Lopetegui na corda bamba -

Também na terça-feira, o Real Madrid, atual tricampeão europeu, enfrentará o Viktoria Plzen no Santiago Bernabéu sob pressão e com seu técnico, Julen Lopetegui, na corda bamba, após acumular quatro derrotas nas últimas cinco partidas.

"Estou aqui de uniforme e, logicamente, serei o técnico amanhã, não tenho dúvidas", declarou nesta segunda-feira Lopetegui em coletiva de imprensa.

A pressão vem se intensificando sobre o técnico merengue ao ponto da imprensa espanhola especular a possibilidade de Lopetegui não chegar ao clássico contra o Barcelona no cargo, no próximo domingo pelo Campeonato Espanhol.

No outro jogo válido pelo grupo G, a Roma recebe um CSKA Moscou embalado pela vitória sobre o Real Madrid (1-0) na última rodada.

Já o Bayern de Munique, outro gigante que atravessa momento complicado, viaja a Atenas para enfrentar o AEK, depois de um mês em que somou quatro derrotas fora de casa e um empate em 1 a 1 com o Ajax em casa na Champions.

A equipe holandesa encara o Benfica na outra partida do grupo E.

Líder de uma disputada Premier League, o Manchester City visita o Shakhtar Donetsk, num grupo F liderado pelo Lyon, que visita o Hoffenheim.

-- Jogos desta terça-feira na Liga dos Campeões:

- Grupo E

(13h55) AEK Atenas (GRE) - Bayern de Munique (ALE)

(16h00) Ajax (HOL) - Benfica (POR)

- Grupo F

(16h00) Hoffenheim (ALE) - Lyon (FRA)

Shakhtar Donetsk (UCR) - Manchester City (ING)

- Grupo G

(16h00) Roma (ITA) - CSKA Moscou (RUS)

Real Madrid (ESP) - Viktoria Plzen (RTC)

- Grupo H

(16h00) Young Boys (SUI) - Valencia (ESP)

Manchester United (ING) - Juventus (ITA)

* AFP

 
Jornal de Santa Catarina
Busca