China impõe teto salarial para jogadores de futebol - Esportes - Santa

Versão mobile

 

Xangai21/11/2018 | 17h02

China impõe teto salarial para jogadores de futebol

AFP
AFP

A China vai fixar um teto salarial para os jogadores de futebol a partir da próxima temporada, medida para conter os altos gastos após as recentes contratações de estrelas estrangeiras, anunciou nesta quarta-feira um veículo de imprensa estatal.

A futura normativa busca limitar os gastos e obrigar os profissionais chineses a formarem novos contratos em 2019, segundo a agência de notícias Xinhua, que cita fontes da federação nacional de futebol.

As autoridades não decidiram o valor do teto. Além disso, o artículo não menciona os salários dos jogadores estrangeiros, alguns deles muito altos. Os bônus em caso de vitória também serão limitados, destacou Xinhua.

O futebol chinês ganhou visibilidade internacional nos últimos anos, após a chegada de várias estrelas mundiais na Super League.

O brasileiro Oscar chegou ao Shanghai SIPG em janeiro de 2017 pelo valor recorde na Ásia de 60 milhões de euros. Em 2016, o argentino Carlos Tévez foi ao Shanghai Shenhua para se tornar o jogador mais bem pago do mundo, recebendo 730.000 euros por semana durante sua breve passagem pelo país.

O teto salarial é a medida mais recente para limitar os gastos no futebol chinês. Desde 2017 a federação impõe uma taxa aos clubes em transferências acima dos 45 milhões de yuanes (5,7 milhões de euros) para evitar gastos extravagantes para contratar estrelas estrangeiras.

* AFP

 
Jornal de Santa Catarina
Busca