Parque Ramiro Ruediger vira point de piqueniques entre famílias e amigos - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

A vez da toalha xadrez13/12/2014 | 07h02

Parque Ramiro Ruediger vira point de piqueniques entre famílias e amigos

Veja como montar uma cestinha saudável e confira uma receita nutritiva para fazer em casa

Parque Ramiro Ruediger vira point de piqueniques entre famílias e amigos Gilmar de Souza/Agencia RBS
A jornalista Deise Furtado costuma frequentar o parque com o marido Washington e a filha Luisa Foto: Gilmar de Souza / Agencia RBS

Toalhas estendidas no chão, à sombra de uma árvore, com guloseimas e bebidinhas variadas para passar um tempo tranquilo descansando e aproveitando a companhia de amigos e familiares. Esta é uma cena que vem se tornando cada vez mais comum no gramado do Parque Ramiro Ruediger, principalmente nos finais de semana. Os motivos para levar uma cesta cheia de gostosuras para o parque podem ser um dia bonito, promover uma reunião de amigos ou uma experiência diferente para os filhos.

::: Sábado é dia de treino funcional e aula de dança de graça no Ramiro

Foi o que levou a jornalista Deise Furtado, 28 anos, a começar a preparar os lanches no parque para a família. Com a pequena Luisa, três anos, nasceu, ela quis promover atividades diferentes para a filha, e foi então que teve a ideia do piquenique:

— Eu sempre achei legal, mas não tinha hábito, talvez porque ainda não tinha filho. Mas eu gosto desse contato com a natureza, desse momento com a família e acho que é muito bom para a criança.

::: Nutricionista ensina a montar uma cesta de piquenique saudável

Deise acredita que este é um dos momentos em que se sente mais próxima da filha e também do marido, Washington Machado, 30 anos, já que eles aproveitam esse tempo juntos para estreitar os vínculos familiares:

— O que eu mais gosto é justamente essa proximidade que a gente acaba não tendo durante a semana, e como a Luisa está numa fase de falar mais já temos essa troca de ideias, conversas, então é importante ter esse momento nosso, em família. Não fazemos todo fim de semana, mas temos uma certa frequência e é sempre muito divertido. 

Reunião de mães

E o piquenique não precisa ser só em família. Amigos já têm escolhido o parque como ponto de encontro, como fizeram as mães do grupo de apoio Nascer em Casa, que promove um encontro mensal e escolheu o gramado do Ramiro para encerrar as atividades de 2014. 

::: Vídeo: três receitas saudáveis e gostosas para saborear ao ar livre

— Nós sempre nos reunimos em um lugar que é fechado. Dessa vez, como seria o último do ano e temos muitas crianças, achamos que seria legal se fosse num espaço aberto, e a primeira opção foi o parque — conta a médica Veruscka Gromann, 42 anos, a organizadora do piquenique das mães.

::: Confira opções de cardápios para levar ao Parque Ramiro Ruediger

Sentadas na grama, elas observam os filhos que correm, brincam com os animais, interagem com outras crianças e aproveitam o espaço do parque. Os lanches, consumidos lentamente — como pede um bom dia de folga —, são quase todos naturais. À exceção de um bolinho e alguns biscoitos, o que se vê são frutas e muita água.

— Falta sombra, principalmente no parquinho, porque as crianças gostam de ficar ali, mas se tem muito sol é ruim. Se tivéssemos mais espaços assim com certeza as pessoas aproveitariam ainda mais — completa.   

JORNAL DE SANTA CATARINA

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaDinossauro em jet ski chama a atenção no Centro de Blumenau https://t.co/6drJDwoucv #LeiaNoSantahá 14 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaAgrolândia vai receber R$ 2,9 milhões do governo federal para construção de pontes https://t.co/m54KDuokzS #LeiaNoSantahá 3 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca