Lauro Bacca: "É inconcebível que existam tantas áreas disponíveis sem o devido aproveitamento para uso público" - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Opinião15/09/2016 | 08h02

Lauro Bacca: "É inconcebível que existam tantas áreas disponíveis sem o devido aproveitamento para uso público"

Este é o terceiro artigo compilando diversas contribuições aos candidatos, visando tornar Blumenau mais humana, ambientalmente segura e agradável de se viver

Carta aos candidatos

Este é o terceiro artigo compilando diversas contribuições aos candidatos, visando tornar Blumenau mais humana, ambientalmente segura e agradável de se viver.
Melhorar o apoio já existente, porém insuficiente, ao Parque São Francisco, com 230 mil metros quadrados em pleno centro da cidade e apoiar efetivamente as demais Unidades de Conservação municipais, a saber:

– Área de Relevante Interesse Ecológico (ARIE) Roberto Klein, no bosque histórico plantado por Emílio Odebrecht. São 3,5 mil metros quadrados disponíveis que, apesar de ficarem colados ao movimentado Terminal Fonte e próximo a hospital, hotel e uma grande concentração de clínicas e consultórios médicos, continuam inaproveitados;

– Parque das Nascentes, com 5,3 milhões de metros quadrados, que voltou a ser administrado por convênio pelo Instituto Parque das Nascentes, merece todo o apoio governamental, com fantástico retorno no uso de um número cada vez maior de frequentadores que procuram os atrativos do local;

– APA das Ilhas Fluviais do Itajaí-Açu, somando 380 mil metros quadrados que se estendem da Itoupava Norte à divisa com Indaial, com inigualável potencial ecoturístico e de uso náutico do nosso rio maior;

– APA Raulino Reitz, englobando as matas da área rural de Blumenau, necessitando de regularização e iniciativas que coloquem o município na vanguarda do turismo de áreas abertas no Brasil;

– Parque Natural Municipal Bromberg, uma importante reserva de 67 mil metros quadrados à espera de uso público, justo na Escola Agrícola, região em fase de intenso adensamento populacional e implementação, com retirada de eventuais invasores.
É inconcebível que numa cidade de rápida verticalização e carente de áreas verdes de uso público (veja-se o caso do lotado Parque Ramiro Ruediger) existam tantas e expressivas áreas disponíveis sem o devido aproveitamento para uso público, cada uma de acordo com suas características. Blumenau dispõe dessas áreas, sem necessidade de desapropriação de um metro quadrado sequer, bastando apenas suas implementações, com custos muitíssimo inferiores que a obra de uma ponte, por exemplo, porém de benefícios públicos tão ou mais importantes que essa mesma ponte.

Que os candidatos a prefeito e a vereador assumam fazer as pazes com o Itajaí-Açu, criando pontos de acesso para atividades náuticas e áreas de lazer para a população, em harmonia com a necessária preservação ambiental, no que a já mencionada APA das Ilhas Fluviais representam excelente potencial.

JORNAL DE SANTA CATARINA

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaMarcada pela morte de Domingos Montagner, "Velho Chico" resgatou a relevância da novela das nove https://t.co/1Kyenc5Raq #LeiaNoSantahá 5 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaVeja como será o debate eleitoral em seis cidades de SC https://t.co/sjCyDAIVqd #LeiaNoSantahá 44 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros