Saiba como será o novo ensino médio em Santa Catarina - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Reforma na educação23/09/2016 | 09h36Atualizada em 23/09/2016 | 12h55

Saiba como será o novo ensino médio em Santa Catarina

Mudanças como flexibilização do currículo, aumento da carga horária e mais escolas em tempo integral iniciam a partir de 2017

Saiba como será o novo ensino médio em Santa Catarina Marco Favero/Agencia RBS
Foto: Marco Favero / Agencia RBS

O ensino médio deve sofrer mudanças a partir do ano que vem em todo país. O governo federal apresentou nesta quinta-feira a Medida Provisória (MP) para reestruturação dos anos finais da educação básica. Em Santa Catarina, as mudanças mais significativas, como a flexibilização do currículo e maior carga horária, devem ser implantadas só em 2018. Haverá ainda um incremento no número de escolas em tempo integral e maior integração com a educação profissional. As medidas valem tanto para escolas públicas como privadas. 

O presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e secretário de Estado da Educação de SC, Eduardo Deschamps, participou da cerimônia e defendeu que as medidas são positivas e "realizáveis", porém são gradativas:

— A flexibilização vai levar um pouco mais de tempo porque precisa passar pela definição da Base Nacional Curricular Comum (BNCC) e pelo Conselho Estadual de Educação — justifica.

Estados podem implantar novo Ensino Médio a partir de 2017

Essa é uma das principais mudanças, já que estudantes poderão definir quais matérias estudar em metade da carga horária do ensino médio. Haverá possibilidade de cinco ênfases: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas e formação técnica e profissional. O secretário explica que cada escola pode oferecer alguma das ênfases, de acordo com a região e estrutura. Ele citou como exemplo a cidade de Joinville, onde alguma escola poderia oferecer a ênfase em linguagem com foco na dança. 

MEC afirma que artes, educação física e filosofia seguem obrigatórias 

Além disso, com a nova proposta, a carga horária passa de 800 para 1,4 mil horas/ano. A mudança será gradativa e deve ser implantada em 2018 em SC. Nova estrutura curricular e carga horária para o ensino médio integrado à educação profissional também estão nas mudanças previstas no Estado. No próximo ano letivo, será implementada como projeto piloto em oito instituições de ensino.

Governo confirma Ensino Médio com currículo flexível e maior carga horária


Mudanças geram desconfiança em SC 

Os principais agravantes do ensino médio em SC estão na taxa de reprovação e abandono. Em 2015, a taxa média de reprovação no ensino médio catarinense foi de 12,7%, enquanto no Brasil foi de 11,5%. Os dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira apontam ainda que a taxa de abandono em SC foi de 7,4% em 2015, mais alta que a do país (6,8%). A reformulação do ensino médio poderia ajudar a reverter esse quadro, porém especialistas defendem que não houve uma discussão ampla com a comunidade escolar, o que resulta numa MP com entraves para ser colocada em prática:

— Há um descompasso entre a ideia, que é boa, e a organização, estrutura física e corpo docente que não estão preparados. As medidas vêm para contribuir, mas como operacionalizar isso gera muitas dúvidas — pondera Cássia Ferri, professora do doutorado em Educação da Universidade do Vale do Itajaí. 

Ela questiona, por exemplo, como a escola que hoje tem divisão de professores por disciplinas vai se adequar às novas ênfases. 

— O que preocupa é a implantação disso, de que forma será a formação dos professores nas universidades, como eles vão se adequar, serão remunerados e a escola tem estrutura para isso? — indaga o coordenador do cursinho pré-vestibular público Pró Universidade, Otávio Auler, que acrescenta que as mudanças não tiveram discussão mais ampla.

Deschamps rebate e diz que as medidas foram discutidas com professores, técnicos de todas as Secretarias de Estado da Educação e especialistas. Além disso, defende que "SC sempre foi um Estado muito inovador na educação" e que está preparado para implementar todas as mudanças previstas.  


 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaMaré alta bloqueia acessos à Praia da Vila, em Imbituba  https://t.co/H1zbDOsrzQ #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaIdosa de 75 anos morre após ser atropelada na BR-470, em Navegantes https://t.co/P4a4TCQcp9 #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros