Agora é lei: advogadas que têm filhos podem pedir suspensão de prazos processuais - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Direito materno28/11/2016 | 16h14

Agora é lei: advogadas que têm filhos podem pedir suspensão de prazos processuais

Elas serão dispensadas de passar em aparelhos de raio X e terão prioridade nas sustentações orais

Agora é lei: advogadas que têm filhos podem pedir suspensão de prazos processuais Felipe Carneiro/Agencia RBS
Foto: Felipe Carneiro / Agencia RBS
sibeli fagundes

O presidente Michel Temer sancionou a lei que garante a suspensão de prazos processuais por 30 dias para advogadas que tiverem filhos. O texto, que altera o Código de Processo Civil, abrange também casos de adoção e traz ainda outras garantias para advogadas grávidas.

Elas serão dispensadas de passar em aparelhos de raio X e terão prioridade nas sustentações orais. Além disso, terão vagas reservadas nas garagens dos fóruns dos tribunais e acesso a creches ou a local adequado para atendimento das necessidades dos bebês.

Leia mais
Chupeta é prejudicial? Veja questões controversas sobre amamentação
Chupeta pode ser usada e amamentação não precisa ser exclusiva, sugere pesquisa
Conheça mitos e verdades sobre a amamentação

E, no caso de um advogado se tornar pai e for o único responsável pela criança, pode também pedir a suspensão dos prazos oito dias. Tanto no caso de advogada, como de advogados, o benefício só é garantido se não houver nenhum outro colega responsável pela ação.

A Lei 13.363 foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira e já entrou em vigor.

* Blog Fralda Cheia


 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaPedro Machado: a Chapecoense é uma unanimidade https://t.co/w9WYf5SyKn #LeiaNoSantahá 8 diasRetweet
  • santacombr

    santacombr

    Santa"Pode-se tentar calar o juiz, mas nunca se conseguirá calar a Justiça", reage Cármen Lúcia https://t.co/JZDSmNAMoY #LeiaNoSantahá 8 diasRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros