Saiba como garantir descontos verdadeiros e fugir da propaganda enganosa na Black Friday em SC - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Descontos21/11/2016 | 05h47Atualizada em 21/11/2016 | 08h28

Saiba como garantir descontos verdadeiros e fugir da propaganda enganosa na Black Friday em SC

A já tradicional sexta-feira de promoções no comércio e na internet promete crescimento de 30% neste ano em Santa Catarina

Saiba como garantir descontos verdadeiros e fugir da propaganda enganosa na Black Friday em SC Marco Favero/Agencia RBS
Foto: Marco Favero / Agencia RBS

Não há crise para a sexta-feira de promoções no comércio eletrônico brasileiro. A expectativa da associação que representa o setor de compra e venda online projeta um faturamento de R$ 2,4 bilhões para a edição de 2016 da Black Friday. A estatística que representa uma alta de 18% em relação ao mesmo período de 2015. Em Santa Catarina, a estimativa é de crescimento de pelo menos 30% de vendas online nesta semana.

A expectativa da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) é de que as lojas virtuais brasileiras recebam 7,63 milhões de pedidos, com valor médio de R$ 280. 

Vestuário, calçados e celulares devem liderar a lista dos mais vendidos, antecipando as compras de Natal. Conforme a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio) de Santa Catarina, o dia de ofertas deve contribuir para amenizar o desempenho negativo do setor.

Foto: Marco Favero / Agencia RBS

– A variação pode superar os 30% em Santa Catarina, visto que o e-commerce está bastante consolidado por aqui. No primeiro semestre de 2016, o comércio eletrônico avançou 5,2% no Estado, enquanto as vendas em lojas físicas recuaram 8,8% – avalia o economista da Fecomércio, Luciano Córdova.

Apesar de Santa Catarina representar apenas 2,89% do comércio eletrônico do país, nas contas do presidente regional da ABComm, Cristiano Chaussard, o Estado tem papel protagonista na venda online:

– O e-commerce é uma modalidade de compra que ocorre entre Estados. Santa Catarina certamente vende mais do que compra de outros Estados.


Aos poucos, o termo ¿Black Fraude¿ vai enfraquecendo no Brasil e, assim, a data se assemelha à edição dos Estados Unidos, onde os descontos realmente são aplicados para as vendas limparem os estoques de Natal. Para esta edição da Black Friday, a expectativa é continuar a reduzir as reclamações de consumidores. 

Em 2015, foram registradas 4,4 mil queixas, ante 12 mil de 2014, principalmente relacionadas a preços, instabilidade nos sites e alto custo do frete.

Foto: Marco Favero / Agencia RBS

Sócio-fundador da Baixou, ferramenta de monitoramento de produtos vendidos pela internet, Patrick Nogueira explica que o ideal é começar a verificar os preços uma semana antes da data.

— Se for deixar para ver no dia, o ideal é que seja bem no início. Algumas lojas liberam os valores antes da meia-noite, pois os produtos que realmente têm desconto acabam logo e são disponibilizados com estoque reduzido. Outra dica é procurar itens com menos saída das lojas, quando a margem é maior para dar desconto. Produtos recém-lançados dificilmente vão receber um desconto vantajoso.

O advogado Gilberto de Jesus Bento Junior recomenda prevenir-se contra golpes. O especialista lembra que defeitos em produtos devem ser reclamados, assim como pode haver o arrependimento de uma compra.

— O prazo para exigir a reparação dos defeitos varia de 30 a 90 dias, contados a partir da verificação do problema. Caso haja desistência da compra, é importante documentar, ao menos por email, e guardar o pedido. Se ocorrer a cobrança, o consumidor tem direito à devolução do valor em dobro e a uma indenização.

Loading...

Loading...

Confira serviços que reúnem ofertas, comparam preços e permitem checar a validade dos descontos:

Black Friday
www.blackfriday.com.br
Das 0h de 25 de novembro às 23h59min do mesmo dia, os consumidores terão a oportunidade de economizar em diversos setores durante a Black Friday. No site, terão descontos de grandes varejistas.

Busca Descontos
www.buscadescontos.com.br
Portal com foco exclusivo em promoções e que tem como diferencial o serviço de cupons de descontos, o Busca Descontos reúne as principais ofertas dos maiores players do e-commerce nacional.

Melhor Embarque
www.melhorembarque.com.br
Voltado para o setor de turismo, fará o filtro em mais de 30 companhias aéreas e em diversos hotéis nacionais e internacionais.

EconoVia
www.econovia.com.br
O site EconoVia é especializado na comparação de preços de produtos eletrônicos, que são um dos destaques da Black Friday. A plataforma permite pesquisar o preço de um produto em diferentes lojas e mostra o valor médio do item pesquisado para facilitar a comparação.

Já cotei
www.jacotei.com.br
Página de comparação de preço que desenvolveu um gráfico para os consumidores analisarem a variação nos últimos meses e que sinalizará as ofertas que têm descontos reais.

Buscapé
www.buscape.com.br
Empresa líder em comparação, terá as ferramentas Histórico de Preços, que monitora a oscilação nos produtos, o Te Protege, que reembolsa o consumidor em compras de até R$ 5 mil se a loja não entregar o produto, e o Alerta de Preços, que avisa o consumidor quando atingir o preço desejado.

Baixou Agora
www.baixou.com.br
Plugin para Chrome que permite o monitoramento dos preços de um produto e avisa quando baixaram.

Leia também:
Black Friday: 41% das reclamações em SC são por propaganda enganosa

text-decoration:none;font-variant:normal;line-height:0.92;letter-spacing:-0.02em;text-align:left;font-size:12.29px;font-family:'Mercury Text G1 Regular';word-break:break-all;font-weight:normal;font-style:normal;">Baixou Agora
www.baixou.com.br
Plugin para Chrome que permite o monitoramento dos preços de um produto e avisa quando baixaram.

Leia também:
Black Friday: 41% das reclamações em SC são por propaganda enganosa

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaPedro Machado: a Chapecoense é uma unanimidade https://t.co/w9WYf5SyKn #LeiaNoSantahá 5 diasRetweet
  • santacombr

    santacombr

    Santa"Pode-se tentar calar o juiz, mas nunca se conseguirá calar a Justiça", reage Cármen Lúcia https://t.co/JZDSmNAMoY #LeiaNoSantahá 5 diasRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros