Bombeiros encontram corpo de homem que desapareceu em rio de Joinville - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Clima04/01/2017 | 14h01Atualizada em 04/01/2017 | 15h29

Bombeiros encontram corpo de homem que desapareceu em rio de Joinville

Maiqui Geovane Heinzen foi levado pela correnteza no rio Cubatão, na última segunda-feira

Bombeiros encontram corpo de homem que desapareceu em rio de Joinville  Maykon Lammerhirt/Agencia RBS
IML foi até a Marina das Garças, onde corpo foi encontrado Foto: Maykon Lammerhirt / Agencia RBS

Após 44 horas de buscas, uma equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville e outra do Grupo de Resgate em Montanha (GRM) encontraram no início da tarde desta quarta-feira o corpo de Maiqui Geovane Heinzen, operário que desapareceu no rio Cubatão, na zona Norte de Joinville, no fim da tarde de segunda-feira.

Confira outras notícias de Joinville e região

De acordo com subcomandante Jackson Roberto Jasper, o corpo foi encontrado perto da Marina das Garças por uma embarcação dos bombeiros. Ele estava a 12 km do local onde estava se banhando. Mais de 40 pessoas participaram das operações de resgate. 

O IML foi até o local e a família fez o reconhecimento. A principal hipótese é de que ele tenha se afogado quando foi levado durante uma correnteza, na tarde de segunda-feira. Ainda segundo Jasper, o corpo estaria preso em pedras, debaixo d'água.

Afogamentos em praias, rios e piscinas já mataram 11 pessoas nesta temporada em SC

Segundo a mulher de Maiqui, Débora Heizen, quando o acidente ocorreu, havia um grupo com pelo menos 60 pessoas na região entre as duas pontes, no canal do Cubatão, em Pirabeiraba. Por volta das 18 horas, um homem passou gritando e pedindo para que todos saíssem da água rapidamente.




Recomendações
 
Temporais
- Nas tempestades com descargas elétricas (raios), ventos fortes e granizo, proteja-se em local abrigado, longe de placas, árvores, postes de energia e objetos que podem ser arremessados.

- Se não encontrar um abrigo, agachar com os pés juntos, com a cabeça encostada no peito ou entre os joelhos e as mãos cobrindo as orelhas ou apoiadas nos joelhos. Se estiver na praia, jamais ficar na água.
 
Alagamentos
- Evitar o contato com as águas e não dirigir em lugares alagados.
- Evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões.
 
Telefones úteis
199 – Defesa Civil
193 – Corpo de Bombeiros

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Fatalidade 27/12/2016 | 11h02

Jovem de 20 anos morre afogado em Campo Alegre, no Planalto Norte de SC

Bombeiros dão dicas de cuidados para nadar em piscina, rio e mar

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaPedidos de recuperação judicial batem recorde em Santa Catarina https://t.co/oYjUsHXGYf #LeiaNoSantahá 22 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaUpiara Boschi: Precisamos de medidas efetivas e prazos estabelecidos no Plano Nacional de Segurança https://t.co/YOUjdJK6Le #LeiaNoSantahá 47 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros