Custo de vida em Florianópolis aumenta 7,10% em 2016 - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Economia04/01/2017 | 20h57Atualizada em 04/01/2017 | 21h13

Custo de vida em Florianópolis aumenta 7,10% em 2016

Variação foi inferior à registrada em 2015, quando houve crescimento acumulado de 10,25%

Diário Catarinense
Diário Catarinense

Viver em Florianópolisficou 7,10% mais caro em 2016, variação 3,15 pontos percentuais inferior à registrada em 2015, quando houve aumento de 10,25%. O valor de 2016 deve ficar próximo da inflação nacional, estimada em 6,38% para o último ano, de acordo com o Relatório Focus do Banco Central de 30 de dezembro.

Os dados do custo de vida na cidade são calculados pela Escola Superior de Administração e Gerência da Udesc com base em 319 itens. No principal grupo que compõe o índice, o de alimentação, o resultado em 2016 também foi inferior: 6,23% de aumento contra os 9,52% verificados em 2015. Os produtos não alimentares subiram 10,84%, os outros serviços, 9,64%, e os serviços públicos, 4,77%.

Na alimentação, o feijão foi o campeão em aumento de preços, com alta de 57,30% ao longo do ano. Já a cebola teve a maior redução, de 37,35%.

Veja a variação dos preços mês a mês:


Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaCâmaras de Joinville e Chapecó lideram despesas com diárias em Santa Catarina  https://t.co/dKl5ARjuHg #LeiaNoSantahá 9 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaMinistério Público investiga morte em operação do Bope, em Piçarras https://t.co/glCVrM49pb #LeiaNoSantahá 10 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca