Retomadas as buscas por homem que desapareceu no rio Cubatão, na zona Norte de Joinville - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Clima04/01/2017 | 09h51Atualizada em 04/01/2017 | 10h04

Retomadas as buscas por homem que desapareceu no rio Cubatão, na zona Norte de Joinville

Equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville e Grupo de Resgate em Montanha (GRM) vasculham a região

Retomadas as buscas por homem que desapareceu no rio Cubatão, na zona Norte de Joinville Salmo Duarte/Agencia RBS
Buscas começaram na segunda-feira à noite e reúne equipes de bombeiros e especialistas em resgate Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS

Uma equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville e outra do Grupo de Resgate em Montanha (GRM) retomaram na manhã desta quarta-feira as buscas por Maiqui Geovane Heinzen, operário que desapareceu no rio Cubatão, na zona Norte de Joinville, no fim da tarde de segunda-feira.

Confira outras notícias de Joinville e região

Segundo o subcomandante Jackson Roberto Jasper, as equipes estão vasculhando toda a extensão que comprende a região da Vila da Oca, em Pirabeiraba, até a baía da Babitonga.

Como a principal hipótese é de que ele tenha se afogado e sido arrastado pelas águas, as chances de encontra-lo aumentam com o nível do rio baixando. Na tarde e noite de segunda, o rio chegou a subir rapidamente pelo menos três metros.

Afogamentos em praias, rios e piscinas já mataram 11 pessoas nesta temporada em SC

Enquanto seis mergulhadorse vasculham a água, uma equipe de resgate em montanha repassa toda a encosta do rio, onde há árvores, galhos e pedras.

Segundo a mulher de Maiqui, Débora Heizen, quando o acidente ocorreu, havia um grupo com pelo menos 60 pessoas na região entre as duas pontes, no canal do Cubatão, em Pirabeiraba. Por volta das 18 horas, um homem passou gritando e pedindo para que todos saíssem da água rapidamente.

Débora e outros familiares acompanham as buscas. 




Recomendações
 
Temporais
- Nas tempestades com descargas elétricas (raios), ventos fortes e granizo, proteja-se em local abrigado, longe de placas, árvores, postes de energia e objetos que podem ser arremessados.

- Se não encontrar um abrigo, agachar com os pés juntos, com a cabeça encostada no peito ou entre os joelhos e as mãos cobrindo as orelhas ou apoiadas nos joelhos. Se estiver na praia, jamais ficar na água.
 
Alagamentos
- Evitar o contato com as águas e não dirigir em lugares alagados.
- Evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões.
 
Telefones úteis
199 – Defesa Civil
193 – Corpo de Bombeiros

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Fatalidade 27/12/2016 | 11h02

Jovem de 20 anos morre afogado em Campo Alegre, no Planalto Norte de SC

Bombeiros dão dicas de cuidados para nadar em piscina, rio e mar

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaBlumenau a Bordo, museu, Parada de Natal: as opções de diversão para o fim de semana https://t.co/RntPsSgKAW #LeiaNoSantahá 4 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaSetor de TI consolida vocação de formar e manter talentos em Blumenau https://t.co/8cZjMPBPak #LeiaNoSantahá 4 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca