Vereadora quer liberar transporte de animais de estimação em ônibus urbanos - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Portal10/02/2017 | 10h21

Vereadora quer liberar transporte de animais de estimação em ônibus urbanos

Proposta está em análise na Câmara de Joinville

A liberação para o transporte de animais de estimação em ônibus urbanos está em análise na Câmara de Joinville. A proposta, apresentada ontem pela vereadora Tânia Larson (Solidariedade), prevê condicionantes, como autorização apenas para cães e gatos e limitada a cinco bichos. Tem mais. No embarque, será preciso apresentar carteira de vacinação do animal.

Leia outras colunas de Jefferson Saavedra
Confira as últimas notícias

Outras notas de Saavedra:

Cobrança no Morro do Amaral

O Ministério Público de Santa Catarina entrou com ação contra a Prefeitura de Joinville para tentar obrigar o município a proteger melhor o Morro do Amaral, uma área localizada às margens da baía da Babitonga. Uma das providências cobradas é o impedimento de invasões e demolição de eventuais construções ilegais em andamento em área de preservação.

A 21º Promotoria de Joinville quer ainda o mapeamento de quais são os moradores “tradicionais”, transferência da população “não tradicional” para fora dos limites da área de reserva e recuperação das áreas degradadas. Na ação, a promotoria alega que a unidade de conservação foi criada em 1989, transformada em reserva de desenvolvimento sustentável em 2012 e até hoje não foi tomada nenhuma medida prevista na legislação.

A Justiça requisitou ontem informações à Celesc e à Águas de Joinville sobre eventuais serviços prestados em áreas irregulares. O pedido de liminar ainda está em análise. A pesca é uma das principais atividades no Morro do Amaral.

Ao Ministério Público, a Prefeitura de Joinville informou estar preparando as licitações para a contratação de serviços de mapeamento de informações no Morro do Amaral, necessárias para o plano de manejo.

A promotoria alegou que o prazo para a conclusão do plano, no qual serão detalhadas as regras de ocupação e preservação do Morro do Amaral se encerra em abril e ainda nem foi iniciado.

Peso do hospital

Em Balneário Camboriú, onde os gastos com saúde consumiram 30% da receita de tributos no ano passado, o novo governo busca maneiras de voltar a terceirizar o Hospital Municipal Ruth Cardoso. Antes de reassumir a unidade, em 2013, o município havia gasto 24% com saúde.

Gasto da Saúde

Em Joinville, a despesa com saúde fechou em 41,06% no ano passado (o cálculo é feito sobre a receita com impostos, não em relação ao orçamento). Em 2015, esse gasto foi de 40,79%. Não há planos de mudar a gestão do Hospital São José, apenas pedidos de repasses ao Estado e União.

Segurança

O prefeito de São Francisco do Sul aponta a segurança pública como uma grande
demanda na cidade litorânea, afinal, foram pelo menos 33 assassinatos no ano passado (16 em 2015). Mas Renato Gama Lobo aponta um início de ano melhor em 2017, ainda sem registro de homicídios em São Chico.

Troca na ADR
A gerência de Educação da ADR de Joinville foi trocada. No lugar de Olizilma Witt, que havia entrado no lugar de Dalila Leal em outubro, foi nomeada Lorena Rothbarth. A nova gerente concorreu a uma vaga na Câmara de Joinville pelo PMDB, ficando na suplência.


Contato
Nestes 40 dias de 2017, o vice-governador Eduardo Pinho Moreira visitou Udo Döhler em três oportunidades em Joinville. E volta já no dia 1º de março, na condição de governador em exercício devido à viagem do governador Colombo. E o prefeito de Joinville esteve em Florianópolis para a posse de Luiz Fernando Vampiro, aliado de Pinho, na Secretaria de Infraestrutura.


Elevado
Assim, a relação entre Pinho e Udo vai ficando mais forte para 2018, com apoio recíproco para a eleição estadual, seja quem for candidato. Na reunião de ontem na Prefeitura, o secretário da Infraestrutura citou Udo como nome estadualizado. Brincando, Pinho interrompeu a abordagem citando que o PMDB tem vários nomes – e o vice vem dizendo que Udo é um deles. A agenda de Pinho teve também visita às obras do elevado da Santos Dumont, obra do governo do Estado (foto).


Não é fácil
Há uma disputa entre Fernando Krelling (PMDB) e Sidney Sabel (sem partido) pelas nomeações na Subprefeitura de Pirabeiraba, base eleitoral dos dois, possíveis candidatos a deputado em 2018. Sabel é o subprefeito. A pasta tem ainda uma gerência e três coordenadorias. Até agora, sem pressa alguma, Udo nada decidiu, sem nomear nenhum dos indicados dos dois.


A fila do PMDB
O PMDB de Joinville queria cargos no governo Udo para pelo menos nove suplentes, o pessoal com mais de 500 votos. Até agora, foram aproveitados Mauricinho Soares, empossado na Câmara com a licença de Roque Mattei, Osmari Fritz, diretor executivo da Habitação e Rute Souza, em coordenadoria da Educação.


No forno
Henrique Deckmann chegou a ser convidado para o gabinete do vice-prefeito, aceitou, mas ninguém mais tocou no assunto. Assim, ele fica na ADR. A nomeação do resto do pessoal está encaminhada e sai nas próximas semanas, com exceção de João Carlos Gonçalves, que abriu mão de ocupar um cargo na Prefeitura de Joinville.


Águas de janeiro
O secretário nacional da Defesa Civil, Renato Ramlow, receberá hoje pedido de repasse de R$ 19,8 milhões para obras de recuperação e drenagem de rios de Joinville. A solicitação, para ser usada pela Prefeitura principalmente na zona Sul, foi motivada pelos alagamentos de janeiro. Ramlow, trazido a Joinville pelo deputado Mauro Mariani, será convidado para visitar 17 pontos na cidade.


JUNTO COM A VOLTA DAS AULAS....
As obras de recapeamento da rua Lages, entre a Blumenau e a Conselheiro Arp, aumentaram as filas de veículos na área central de Joinville, principalmente na João Colin, uma das principais vias de acesso à zona Norte. Naquele trecho, a obra será concluída hoje. Estão previstos mais recapes em ruas próximas.


Mais multas
A quantidade de multas de trânsito de Joinville deve ter surpreendido inclusive o Detrans. A previsão era de arrecadar R$ 17 milhões com as infrações, mas o ano fechou com R$ 19,3 milhões. O reajuste nacional no valor das multas foi válido somente a partir de novembro. Para 2017, foi estimada uma arrecadação de R$ 25,3 milhões.

Preparação
 
Tem um pessoal preparando projeto para tentar reduzir em 25% o salário da presidência da Câmara de Joinville, hoje ocupada por Fernando Krelling. A iniciativa deve partir de dois vereadores. O presidente ganha em torno de 50% a mais enquanto estiver no cargo. Em Joinville, cada vereador tem R$ 12,3 mil de salário bruto.

Transporte
O transporte também terá de ser feito em caixas. A vereadora se baseou em leis de outras cidades. Um dos objetivos é permitir as famílias de baixa renda, sem carro, a usar o ônibus para levar os bichos para as clínicas veterinárias contratadas pela Prefeitura. “Ouvi queixas sobre as dificuldades”, diz Tânia. O projeto não tem data definida para ser votado.

Reverência
Fabio Dalonso quer professores, caso queiram, sendo anunciados em solenidades realizadas pela Prefeitura e Câmara de Joinville. Os educadores também terão lugar na mesa de autoridades, caso o projeto seja aprovado.

Reparos
A ADR de Joinville recebeu ontem R$ 537 mil para tapa-buracos em rodovias estaduais. Nos próximos dias, serão definidos os trechos contemplados.

Mais rápido
Patrício Destro sugeriu ontem a Ninfo König a apresentação de projeto na Câmara de Joinville para facilitar a emissão de alvarás. O deputado fez proposta semelhante na Assembleia.

Não vem?
Udo teria ficado decepcionado ao saber que Colombo não viria a Joinville ontem. Talvez quisesse uma conversa com o governador, o que não ocorre desde a eleição municipal.

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Portal 07/11/2016 | 07h02

Justiça nega paralisação das obras de drenagem no rio Mathias

Ação judicial de moradores cobra laudos e estudos de impacto

Portal 06/10/2016 | 07h02

Saavedra: Corrida na Justiça para impedir a votação da LOT

Outras três ações devem ser protocoladas ainda esta semana para tentar suspender andamento da votação do projeto

Portal 29/09/2016 | 07h01

Saavedra: Último balanço mostra recuo no peso da folha de pagamento da Prefeitura de Joinville

A despesa mensal esteve em média em R$ 61 milhões nos últimos 12 meses

Portal 07/09/2016 | 07h04

Jefferson Saavedra: Aumentam os roubos de celulares em Joinville

No mês passado, foram 42 casos registrados apenas na Zona Sul

AN Portal 13/08/2016 | 07h31

Peso da folha será o maior desafio do próximo prefeito de Joinville

Ainda sem o reajuste de 2016, folha de pagamento está em R$ 790 milhões anuais

AN Portal 17/02/2016 | 09h23

Jefferson Saavedra: Fiscalização dos bombeiros militares atende a pedido do MP em Joinville

Bombeiros militares estão fiscalizando hotéis e pousadas na cidade

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaDefesa de Aécio recorre ao STF para retomar mandato https://t.co/j2FC6ffG5G #LeiaNoSantahá 7 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPolícia identifica autor de atentado suicida em Manchester https://t.co/8cl9YJOmud #LeiaNoSantahá 17 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros