Contra May, trabalhistas britânicos prometem estatizações e aumento de impostos para os mais ricos - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Guinada à esquerda16/05/2017 | 07h41Atualizada em 16/05/2017 | 07h41

Contra May, trabalhistas britânicos prometem estatizações e aumento de impostos para os mais ricos

Há sete anos na oposição, partido se mobiliza para tentar ampliar o número de parlamentares nas eleições legislativas de 8 de junho

Contra May, trabalhistas britânicos prometem estatizações e aumento de impostos para os mais ricos Reprodução/Jaremy Corbyn
Candidato trabalhista a primeiro-ministro, Jeremy Corbyn faz campanha para as eleições de 8 de junho Foto: Reprodução / Jaremy Corbyn
AFP
AFP

Após anos de posições centristas sob a influência da "terceira via" de Tony Blair, os trabalhistas britânicos devem apresentar, nesta terça-feira (16), um programa eleitoral "radical e responsável", com propostas de nacionalizações e do fim da austeridade.

O líder trabalhista e candidato a primeiro-ministro Jeremy Corbyn, justificou a necessidade de mudança para as eleições de 8 de junho porque o país está sendo dirigido "para os ricos, a elite e os interesses ocultos" nos sete anos de governo conservador.

"Mudará nosso país", deve afirmar Corbyn no discurso de apresentação do programa em Bradford, noroeste da Inglaterra, de acordo com trechos divulgados pelo partido.

Leia mais
Brexit obrigará mudança no acordo de paz da Irlanda do Norte, diz Blair
Em campanha, Theresa May promete reduzir migração para o Reino Unido
Brexit é "uma tragédia", diz presidente da Comissão Europeia

O programa incluirá um aumento dos impostos para os salários elevados, compreendidos entre 80 mil libras (94 mil euros ou US$ 103 mil) e 150 mil libras por ano, de acordo com os jornais The Times e The Daily Telegraph. Para os salários superiores a esta faixa, a taxa de impostos será a máxima, de 50%.

Além disso, o partido também prometerá estatizar o sistema ferroviário, os correios e as empresas de distribuição de água. Os trabalhistas também devem propor um "imposto Robin Hood" às transações financeiras.

Os conservadores da primeira-ministra Theresa May registram uma vantagem de 20 pontos nas pesquisas de intenção de voto para as eleições legislativas.

Leia as últimas notícias de Mundo

*AFP

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaComércio impulsiona criação de empregos pelo quarto mês seguido em SC https://t.co/Yft9X4Gh4w #LeiaNoSantahá 19 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPM limita deslocamento de viaturas em SC por falta de dinheiro para abastecimento https://t.co/oMcdskyx0k #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca