Londres seguirá compartilhando informações secretas com Trump, assegura May - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Diplomacia17/05/2017 | 09h34Atualizada em 17/05/2017 | 15h40

Londres seguirá compartilhando informações secretas com Trump, assegura May

Declaração da primeira-ministra britânica ocorre após a revelação de que o presidente dos Estados Unidos repassou segredos à Rússia

Londres seguirá compartilhando informações secretas com Trump, assegura May BEN STANSALL/AFP
Foto: BEN STANSALL / AFP
AFP
AFP

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, afirmou, nesta quarta-feira (17), que os britânicos seguirão compartilhando informações com os Estados Unidos apesar das suspeitas de que o presidente norte-americano, Donald Trump, repassou segredos à Rússia.

Mesmo com as especulações de que a acusação, revelada pelo Washington Post, poderia comprometer a cooperação com os aliados, May reiterou que o tema envolve apenas os americanos.

— O que o presidente Trump fala com quem vai à Casa Branca é um assunto de Trump — disse May em uma coletiva de imprensa. — Temos uma relação especial com os Estados Unidos. É a relação mais importante que temos em todo o mundo no que se refere à segurança e à defesa — assinalou.

Leia mais
Câmara dos EUA pede ao FBI que entregue documentos sobre conversas
Questão sobre repasse de informações secretas é "nonsense", diz porta-voz russo
Trump diz que tem "direito absoluto" de compartilhar informações com a Rússia

As informações secretas que Trump teria repassado aos russos durante uma reunião com o chanceler Serguei Lavrov, na semana passada, seria relacionada ao plano do grupo extremista Estado Islâmico de usar computadores portáteis para colocar bombas em aviões comerciais.

Segundo fontes, a informação foi divulgada aos Estados Unidos por Israel com a condição de não repassá-la a ninguém — nem mesmo a outros países aliados, para não expor a fonte.

No Twitter, Trump afirmou que tem o "direto absoluto" de compartilhar as informações.

"Como presidente, quis compartilhar com a Rússia (em um evento aberto da Casa Branca), como é meu direito absoluto, fatos sobre terrorismo e segurança aeronáutica", escreveu Trump em um tuíte.

Leia mais notícias de Mundo

*AFP

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaTrabalhos para reabastecer água na Grande Florianópolis seguem durante a noite   https://t.co/GQUWVcoHwt #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaApesar de vitórias da base aliada, sucessão de Temer é tema das conversas nos bastidores https://t.co/XBXJyFPdZt #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros