Tribunal europeu condena Rússia por lei que reprime a "propaganda homossexual" - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Decisão20/06/2017 | 07h33Atualizada em 20/06/2017 | 07h38

Tribunal europeu condena Rússia por lei que reprime a "propaganda homossexual"

Três ativistas russos condenados pela legislação recorreram à Corte Europeia de Direitos Humanos, que deu razão aos militantes

AFP
AFP

A Corte Europeia de Direitos Humanos (CEDH) condenou a Rússia, nesta terça-feira (20), por uma lei de 2013 que reprime com multas e penas de prisão qualquer "propaganda" homossexual diante de menores de idade.

Segundo os magistrados europeus, a legislação "estimulou a homofobia, que é incompatível com os valores de uma sociedade democrática".

Três ativistas russos, condenados pela lei, recorreram à CEDH, que deu razão aos militantes. De acordo com o tribunal, eles foram vítimas de uma violação da liberdade de expressão, além de discriminação.

Leia mais notícias de Mundo

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaSC fecha 2017 com taxa recorde de doadores de órgãos  https://t.co/qX3lN3SULS #LeiaNoSantahá 12 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPolícia prende quatro pessoas por adulteração de bebidas em Gaspar https://t.co/QmuPbLyN0A #LeiaNoSantahá 6 horas Retweet

Mais sobre

Jornal de Santa Catarina
Busca