Corupá bate recorde com cuca de banana de 120 metros de comprimento, no Norte de SC - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Comemoração doce02/07/2017 | 16h58Atualizada em 02/07/2017 | 17h08

Corupá bate recorde com cuca de banana de 120 metros de comprimento, no Norte de SC

Doce foi feito para celebrar os 120 anos da cidade que é uma grande produtora da fruta 


Cuca de 120 metros de comprimento tinha ainda 21 cm de largura Foto: Aurea Arendartchuk / Divulgação

Corupá recebeu no fim da manhã deste domingo o certificado e troféu de maior cuca do Brasil. O doce de banana com 120 metros de comprimento por 21 cm de largura e quase meia tonelada foi servido para mais de 7 mil pessoas que estiveram presentes no desfile comemorativo aos 120 anos de Corupá, no Centro da cidade. A cuca de banana de Corupá bateu o recorde anterior que era da cuca de Joinville que havia feito um doce que mediu 10,59 metros. O recorde foi validado pelo RankBrasil – Recordes Brasileiros, que tem sede em Curitiba (PR).

A cuca gigante de banana foi realizada numa parceria entre Prefeitura de Corupá, que organizou as festividades de aniversário do município, produtores locais que doaram mais de 200 kg da fruta e a padaria do Supermercado Mees que usou 100 formas de cuca, 17 dúzias de ovos, 35 kg de açúcar, 118 kg de trigo, 30 kg de margarina, 7 litros de leite, 6 kg de fermento, 3,5 kg de banha, além de sal, limão, canela e baunilha na confecção do doce. Quatro padeiros iniciaram a produção da cuca de banana às 18 horas de sábado e terminaram às 4h30 deste domingo. 

Para Anésio Mees, dono do supermercado que aceitou o desafio de fazer a cuca gigante, a experiência da equipe para confeccionar o doce ajudou muito para que o bolo ficasse saboroso e fiel à receita da cuca passada de geração em geração pelos descentes de alemães da cidade. Dois fiscais do RankBrasil acompanharam a confecção da cuca de Corupá desde a noite de sábado até a montagem neste domingo pela manhã. Segundo o fiscal de recorde Luciano Cadari entre os quesitos que são contados para aferição do ranking estão a fidelidade à receita original da cuca, o paladar do doce, a montagem, depois a medida linear e em metros quadrados e por fim o peso. A cuca de Corupá contou com 120 metros lineares por 21 cm de largura, 3,5 de altura, num total de 25,2 m², pesando 444,66kg.

Prefeito de Corupá, João Carlos Gottardi recebeu o troféu da RankBrasil Foto: Aurea Arendartchuk / Divulgação

Segundo o prefeito de Corupá João Carlos Gottardi, que recebeu o troféu da Maior Cuca do Brasil, a ideia de fazer a cuca de banana gigante surgiu da comissão organizadora das festividades dos 120 anos de fundação do município.

— Nada melhor do que oferecer à população uma cuca de banana que representa muito bem Corupá que é a Capital Catarinense da Banana e tem a Indicação Geográfica (IG) de banana mais doce do Brasil. Além disso, grande parte de nossa população tem descendência alemã e a cuca está entre os doces mais apreciados aqui — destacou. 

Cuca de banana foi distribuída para os moradores e visitantes que prestigiaram o evento Foto: Aurea Arendartchuk / Divulgação

A assessora de Cultura da Prefeitura de Corupá e presidente da comissão organizadora Roseli Siewert comenta que a confecção da maior cuca de banana do Brasil feita em Corupá só foi possível graças ao envolvimento tanto de servidores da Prefeitura quanto das entidades e pessoas da comunidade que se empenharam para que o doce fosse confeccionado e servido para a população numa das datas mais importantes para o município que é a comemoração dos 120 anos de fundação da cidade.

Desfile e História

Desfile em comemoração ao aniversário de Corupá reuniu cerca de sete mil pessoas Foto: Aurea Arendartchuk / Divulgação

O desfile festivo dos 120 anos de Corupá começou às 9h30 deste domingo e contou com mais de 30 entidades do município. Cerca de 7 mil pessoas acompanharam o desfile que aconteceu na Avenida Getúlio Vargas, no Centro da cidade. Este foi o maior público já registrado até hoje em desfiles no município. Entre as autoridades que estiveram presentes no desfile estavam o deputado estadual Darci de Matos, o secretário de Estado da Saúde Vicente Caropreso, o secretário de Estado de Desenvolvimento Sustentável Carlos Chiodini, o prefeito de Corupá João Carlos Gottardi, o prefeito de Jaraguá do Sul Antídio Lunelli, secretários municipais, o presidente da Câmara de Vereadores Alceu Moretti e vereadores de Corupá.

 No desfile as entidades homenagearam a cidade em todos os seus aspectos e potenciais.Corupá foi fundada em 7 de julho de 1897, com o nome de Hansa Humboldt, em homenagem ao naturalista alemão Alexander Von Humboldt e a Companhia Hanseática de Colonização de Hamburgo, que visava colonizar o Estado. A data de fundação refere-se ao dia em que os alemães Otto Hillbrecht e Wilhelm Ehrhardt compraram os primeiros lotes.

 A cidade foi colonizada principalmente por imigrantes alemães, italianos e poloneses. Ao longo dos 120 nos de história, apresenta de forma mais enfática a tradição e a cultura descendente de alemães, desde a alimentação e costumes, como também aspectos artístico-culturais.

Em 1º de janeiro de 1944, o nome Hansa Humboldt mudou para Corupá, que em língua indígena significa "lugar de muitas pedras". O município de Corupá foi criado em 21 de junho de 1958, tendo como primeiro prefeito Francisco Mees.Cercado pela cadeia de montanhas da Serra do Mar, com áreas de Mata Atlântica, Corupá é a Capital Catarinense da Banana envolvendo aproximadamente 650 famílias. Em 2016, Corupá recebeu a Indicação Geográfica (IG) como o município produtor da ¿banana mais doce do Brasil¿. O registro IG foi um trabalho conjunto entre a Associação de Bananicultores de Corupá (Asbanco), Sebrae/SC, Epagri, Universidade Federal de Santa Catarina, com o apoio da Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca.

 A produção de plantas ornamentais é segunda atividade agrícola da cidade sendo conhecida nacionalmente como centro produtor de plantas para paisagismo.No aspecto turístico, a grande atração é a beleza das mais de 70 cachoeiras existentes no município e o Seminário Sagrado Coração de Jesus inaugurado em 1932, sendo um espaço para visitação e realização de eventos.

Um dos eventos mais famosos do município é o Bananalama – Encontro de Trilheiros que este ano está em sua 11ª edição e ocorre de 6 a 9 de julho, no Seminário Sagrado Coração de Jesus integrando as comemorações dos 120 anos de Corupá. O Bananalama tem o recorde de Maior Encontro de Trilheiros do Mundo atestado pelo Guiness Book desde 2012. 

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaHomem é morto em troca de tiros com agente penitenciário em Tijucas https://t.co/EDoSjAkKj3 #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPM apreende três armas, drogas e munições em ocorrência em Blumenau https://t.co/TboLKxyZm5 #LeiaNoSantahá 5 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros