Procon decide multar Coletivo Itajaí por reter dinheiro do Cartão SIM - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Greve13/07/2017 | 12h25Atualizada em 13/07/2017 | 12h25

Procon decide multar Coletivo Itajaí por reter dinheiro do Cartão SIM

Empresa já foi notificada duas vezes para que devolvesse o valor do passe

Notificada duas vezes por reter o dinheiro do Cartão SIM, pago pelos usuários do transporte coletivo, a Coletivo Itajaí será multada pelo Procon. O diretor do órgão de defesa do consumidor, Rafael Fonseca, diz que na impossibilidade de oferecer o serviço, a empresa tem obrigação de devolver imediatamente o dinheiro que recebeu do cliente.

A primeira notificação foi feita em maio. A segunda, na última segunda-feira. Nos dois casos, a empresa respondeu que não devolveria o dinheiro porque o serviço tem previsão de ser retomado. O que, no entendimento do Procon, é ilegal.

Motoristas e cobradores seguem em greve

A multa ainda está sendo calculada, e terá que levar em conta a situação financeira da empresa e o volume de dinheiro retido através do Cartão SIM _ o que ainda não foi mensurado pelo órgão.

Desde sexta-feira, quando a greve iniciou, a alternativa para os usuários é o transporte alternativo de emergência que a prefeitura colocou na rua, com microonibus, táxis e vans particulares. A passagem custa R$ 4 ou 5, dependendo do veículo. O que significa, para o trabalhador, um gasto diário de até R$ 10.

Vale lembrar que a maioria dos usuários do transporte coletivo tem desconto nos salários para pagar o sistema de ônibus, e as empresas contratantes também pagam a sua parte.

Para quem ganha um salário mínimo por mês, desembolsar R$ 50 por semana para ir e voltar do trabalho pode ser pesado demais. E alguém vai ter que pagar essa conta.

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaMotociclista morre após acidente em Brusque https://t.co/PfyXSV0IuH #LeiaNoSantahá 5 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaA evolução da Oktober em cartazes https://t.co/43uiGAypoG #LeiaNoSantahá 54 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros