Samae de Blumenau garante abastecimento de água apesar da falta de chuva - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Clima19/09/2017 | 18h30Atualizada em 19/09/2017 | 18h30

Samae de Blumenau garante abastecimento de água apesar da falta de chuva

Última chuva significativa na cidade foi registrada no mês de agosto

Samae de Blumenau garante abastecimento de água apesar da falta de chuva Patrick Rodrigues/Agencia RBS
Rio Itajaí-Açu em Blumenau está bastante abaixo do nível normal. Nesta terça-feira uma das medições chegou a apontar apenas 16 centímetros Foto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS

 Os efeitos do tempo seco são muitos. No corpo vão desde a dificuldade para respirar, por causa do ressecamento das vias aéreas, a alergias, problemas oculares e até desidratação, em casos mais severos. Se o corpo sente, a natureza também, e a olhos vistos. O rio Itajaí-Açu em Blumenau, por exemplo, está bastante abaixo do seu nível normal — em alguns pontos é possível identificar seu piso rochoso bastante aparente, que deixa evidente a falta de chuvas por estas bandas. Mesmo assim, o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Blumenau garante: a captação e o abastecimento de água estão normais.

Apesar da condição de estiagem, o diretor de Operações da autarquia Cleverton João Batista explica que os trabalhos não estão comprometidos, mas pede que a população consuma a água de forma consciente. Segundo ele, a Estação de Tratamento de Água (ETA) II, na Rua Bahia, quanto a ETA III, no Garcia, operam regularmente. A primeira capta a água para tratamento junto à usina da Celesc, que mantém uma barragem. A segunda também conta com um sistema de barragem, o que permite o armazenamento de uma espécie de "estoque".  Mesmo assim, ele solicita que os cidadãos evitem o desperdício. 

Clima seco permanece

Pelo menos até o fim da semana não deve ocorrer chuva significativa em Blumenau, de acordo com a previsão do sistema AlertaBlu. Há possibilidade de chuva mais significativa causada pela chegada de uma frente fria entre domingo e segunda-feira, porém como a previsão é distante, o cenário ainda pode se alterar e a precipitação pode seguir para outras regiões do Estado, explica a meteorologista do AlertaBlu, Taciana Weber. 

O mês de setembro registrou em média, até segunda-feira, 1,4 milímetro de chuva. A falta de chuvas é causada por bloqueios atmosféricos que dificultam o avanço das frentes frias (sistema que provoca a chuva).  A última precipitação com intensidade foi registrada no dia 20 de agosto. 

— Fora isso foram só algumas ocorrências de chuva muito fraca, que não fazem diferença dentro desse período que estamos passando — explica a meteorologista. O último mês com maior acumulado de chuvas foi junho, mas depois a configuração climática mudou e em julho já foram observados bloqueios que também dificultaram a chegada das chuvas, o que resultou em volumes abaixo do esperado. Durante todo o mês foram registrados 15,2 milímetros, enquanto o normal seriam 126.

Em agosto a condição se aproximou do esperado para o inverno, com chuvas espalhadas de forma desigual pela cidade, porém em maiores volumes, com média de 84,6 milímetros. O rio Itajaí-Açu também está muito abaixo do nível normal. Neste caso a medida varia bastante durante todo o dia, explica Weber. Nesta terça-feira, no final da tarde as águas estavam com 1,32 metro, porém, durante a maré baixa em Itajaí — quando o rio escoa mais rápido para o mar — as medições chegaram a a apontar apenas 16 centímetros de profundidade. 

Nesta quarta-feira todos os meteorologistas de Santa Catarina se reúnem no Fórum Climático Catarinense para definir a previsão do tempo para os próximos três meses, ou seja, a tendência do que deve ocorrer durante a primavera, estação que começa na sexta-feira. O encontro ocorre no Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Ciram), na Epagri, em Florianópolis. 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaUber completa um ano de atuação em Blumenau https://t.co/1oIUYKdwXY #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaHomem agride e tenta estuprar companheira em Indaial https://t.co/S2hVZGVHf9 #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca