Autopista  e PRF projetam movimento até 50% maior nas rodovias de SC no feriado - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Finados01/11/2017 | 08h08Atualizada em 01/11/2017 | 08h08

Autopista  e PRF projetam movimento até 50% maior nas rodovias de SC no feriado

Operações especiais com reforço nas equipes começam nesta quarta-feira e vão até domingo

Autopista  e PRF projetam movimento até 50% maior nas rodovias de SC no feriado Divulgação/Polícia Rodoviária Federal
Foto: Divulgação / Polícia Rodoviária Federal
Diário Catarinense
Diário Catarinense

A Autopista Litoral Sul, concessionária da BR-101, e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) dão início nesta quarta-feira a operações especiais para o feriadão de Finados nas rodovias federais de Santa Catarina. A previsão é que o movimento de veículos fique até 50% maior nas estradas em alguns horários de pico entre quarta e domingo.

Conforme a PRF, o feriado de Finados é marcado por deslocamentos de distâncias variadas e por rotas pulverizadas em todas as regiões do Estado. Na quinta-feira, dia 2, haverá grande concentração de veículos próximo aos cemitérios, muitos deles localizados às margens das rodovias. Nesses locais, a polícia orienta que os motoristas reduzam a velocidade para evitar, principalmente, atropelamento de pedestres.

Entre as ações planejadas pela PRF para o feriado, está a concentração da fiscalização nos trechos próximos a cemitérios e também em locais e horários de maior incidência de acidentes e crimes, de acordo com estatísticas do órgão.

Além de agentes de grupos especiais, como do Grupo de Motociclismo Regional (GMR) e do Núcleo de Operações Especiais (NOE), a fiscalização receberá o reforço de policiais que estão no momento atuando em áreas administrativas. O objetivo é evitar condutas que aumentem o risco de acidentes graves e vítimas, como uso do celular pelo motorista, ultrapassagens indevidas, excesso de velocidade, consumo de álcool e falta de equipamentos de segurança (capacete, cinto de segurança ou cadeirinhas para crianças).

O motorista deve ter cautela e paciência principalmente na saída do feriadão, quarta-feira entre 14h e 22h, e no retorno, domingo entre 1h6 e 22h. A PRF destaca que a maioria dos acidentes são registrados geralmente no último dia da operação, data de retorno, quando o fluxo de veículos chega a aumentar 50% em relação a um dia normal.

Para atender a demanda, a Autopista também terá reforço nas equipes e foco no atendimento aos usuários em situações de problemas mecânicos, ou em caso de acidentes com serviços de guincho e atendimento médico. A coordenação da operação é realizada no Centro de Controle Operacional em Joinville, que monitora a BR-101 em SC e também as BR-376/PR e BR-116/Contorno Leste, a partir de 186 câmeras, veículos de inspeção 24 horas e informações do sistema via 0800. A expectativa da concessionária é fazer cerca de 3,5 mil atendimentos nos cinco dias de operação.

No trecho sob administração da concessionária, os motoristas devem encontrar maior movimento a partir das 15h de quarta-feira. Nos dias de maior fluxo, 1º, 2 e 5 de novembro, cerca de 45 mil veículos devem transitar por cada uma das praças de pedágio da Autopista — volume 46% maior do que o normal.

Na saída do feriado, os horários de maior movimento se concentram entre às 15h e 22h de quarta-feira e das 8h às 14h de quinta-feira. No retorno, o horário de pico acontece das 15h às 22h de domingo.

Nesse período, a concessionária não fará obras programadas durante o dia e os trechos que devem exigir maior atenção dos motoristas por conta da concentração de tráfego são os próximos às cidades de Curitiba (PR), Joinville, e em todos os acessos dos municípios litorâneos: Garuva (acesso para Itapoá e Guaratuba), Barra Velha, Balneário Piçarras, Penha, Navegantes, Itajaí, Balneário Camboriú, Itapema, Porto Belo, Governador Celso Ramos, Biguaçu e Palhoça.

Viagem com segurança

A PRF também alerta sobre a segurança na hora de viajar, destacando ser necessário um planejamento que leve em consideração a duração da viagem, a hora prevista de chegada ao destino e pontos de parada para alimentação, descanso e abastecimento. A falta de planejamento pode resultar em imprudências como o excesso de velocidade e ultrapassagens forçadas, o que consequentemente aumenta o risco de acidentes, de acordo com o órgão.

Dicas de trânsito

A PRF recomenda aos motoristas algumas condutas para que façam uma viagem mais segura:

— Faça uma revisão atenta no veículo antes de viajar: verifique principalmente pneus (inclusive o estepe), palhetas e reservatórios dos limpadores de para-brisa e itens de iluminação e sinalização

— Planeje a viagem: lembre-se de programar paradas em locais adequados para abastecimento, alimentação e descanso

— Mantenha a atenção na rodovia: respeite a sinalização e os limites de velocidade, eles existem para proteger a sua vida

— Em caso de chuva, aumente a distância do veículo à frente e diminua a velocidade

— Acenda os faróis durante o dia, mesmo fora das rodovias

— Quando houver formação de filas, não transite pelo acostamento

— Motorista: jamais manipule o celular enquanto dirige

Leia também:

SC tem 122 missas no Dia de Finados

Ônibus da região metropolitana de Florianópolis terão catraca livre no feriado de Finados 

Leia todas as notícias do Diário Catarinense

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaAdolescente é apreendido com quatro quilos de maconha em terminal de ônibus de  Blumenau https://t.co/Ummd7eCJnm #LeiaNoSantahá 2 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaInscrições para a seleção do Colégio Militar de Blumenau iniciam nesta segunda-feira https://t.co/NJPaHNUYZh #LeiaNoSantahá 3 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca