Gaspar prepara volta das lombadas eletrônicas em oito pontos da cidade - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Trânsito04/11/2017 | 07h00Atualizada em 04/11/2017 | 07h00

Gaspar prepara volta das lombadas eletrônicas em oito pontos da cidade

Trechos das rodovias Jorge Lacerda, Ivo Silveira e acessos à cidade receberão no total 17 equipamentos de fiscalização

Gaspar prepara volta das lombadas eletrônicas em oito pontos da cidade Patrick Rodrigues/Jornal de Santa Catarina
Foto: Patrick Rodrigues / Jornal de Santa Catarina

As lombadas eletrônicas estão prestes a voltar às ruas de Gaspar depois de cerca de dois meses sem fiscalização por meio dos equipamentos. Na última semana, a empresa Fotossensores, vencedora da nova licitação, instalou uma central de operações na Diretoria de Trânsito (Ditran), uma lombada no número 1.400 da Rua Itajaí, no Centro, e um leitor de placas no acesso entre a BR-470 e a Ponte do Vale.

Com esses equipamentos instalados, a prefeitura pretende fazer três dias de testes na próxima semana. Concluído esse período, a empresa deve continuar a implantação. No total 17 lombadas eletrônicas serão instaladas em oito pontos da cidade – além dos sentidos de ida e volta, um dos locais possui pista duplicada. No contrato anterior, apenas cinco lugares de Gaspar tinham fiscalização. A previsão é de que até o fim do mês os radares estejam operando.

Dois pontos que receberão as novas lombadas ficam na Rua Anfilóquio Nunes Pires, o trajeto municipal da Rodovia Jorge Lacerda, nos bairros Bela Vista e Figueira. Outros três estão na Avenida Frei Godofredo, o trecho municipal da Rodovia Ivo Silveira, a SC-108, que liga Gaspar a Brusque. A Rua Itajaí e a Rua Hercílio Fides Zimmermann, que liga a BR-470 à Ponte Hercílio Deeke, serão os outros dois locais com monitoramento.

A única lombada já instalada fica praticamente ao lado da casa de Jurandir Campregher, 61. Ele mora há 35 anos no local e conta que o equipamento era uma cobrança antiga para inibir os motoristas que abusam da velocidade. Agora, segundo ele, o fato de a rua receber lombadas em dois pontos animou os moradores, que acreditam que poderão ter mais segurança. No entanto, ele ainda vê deficiências nas condições de travessia e espera que sejam implantadas faixas de pedestres e ilhas de segurança para melhorar a segurança no ponto em que os condutores terão que aliviar o pé.

– A lombada está rente à estrada e fica na saída de uma autoescola. Se fosse feita uma ilha com faixa de pedestres elevada, ficaria um trabalho perfeito – cobra.

Uma das novidades do novo contrato é a tecnologia OCR/LAP, conhecida como leitor de placas. Além do equipamento já instalado no acesso à Ponte do Vale, oito das 17 novas lombadas também poderão gerar imagens e fiscalizar as placas dos veículos. Com isso, será possível identificar carros que transitam com registro de furto ou com documentos atrasados, por exemplo. Quando isso acontecer, agentes de trânsito que estiverem perto do local serão acionados para fazer abordagens.

– Muitos motoristas insistem em andar com documento vencido e com essa fiscalização adicional vai ser mais fácil identificar e punir esses condutores – opina o superintendente da Ditran, José Marildo Azevedo.

A oferta da empresa vencedora da licitação foi de R$ 2,3 milhões por um contrato de 48 meses.

Novas lombadas em Gaspar
Rua Anfilóquio Nunes Pires, 2 equipamentos na altura dos números 230 e 231.
Av. Frei Godofredo, 3 equipamentos na altura dos números 1649/1650.
Av. Frei Godofredo, 2 equipamentos na altura dos números 1080/1081.
Av. Frei Godofredo, 2 equipamentos na altura dos números 2699/2700.
Rua Hercílio Fides Zimmermann, 2 equipamentos na altura dos números 800/801.
Rua Anfilóquio Nunes Pires, 2 equipamentos na altura dos números 3726 e 3727.
Rua Itajaí,2 equipamentos na altura do número 1400/1401.
Rua Itajaí, 1 equipamento na altura do número 210.
Rua Itajaí, 1 equipamento na altura do número 535.

Leitor de placas
1 equipamento no acesso à Ponte do Vale.

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaDagmara Spautz: MP avalia importância histórica de um dos primeiros balneários de SC https://t.co/pouRvLAQ0H #LeiaNoSantahá 19 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaDaniela Matthes: "Leis e bom senso não são suficientes para um trânsito mais seguro" https://t.co/5Djy3cxRvo #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca