Papai Noel dos Correios atenderá 1,3 mil crianças em Blumenau - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Solidariedade13/11/2017 | 21h04Atualizada em 13/11/2017 | 21h04

Papai Noel dos Correios atenderá 1,3 mil crianças em Blumenau

Campanha vai distribuir presentes a pequenos de bairros carentes que escreveram cartinhas para o bom velhinho

Papai Noel dos Correios atenderá 1,3 mil crianças em Blumenau Patrick Rodrigues/Jornal de Santa Catarina
Foto: Patrick Rodrigues / Jornal de Santa Catarina

As pessoas tentavam postar pacotes embrulhados em papel pardo, caixa, cartas, mas ficavam na porta de entrada da agência dos Correios no Centro de Blumenau. Depois, entendiam que a ausência do atendimento era por um bom motivo. A tarde desta segunda, na verdade, era das crianças. 

O dia era das 1.350 que escreveram cartinhas endereçadas ao Polo Norte, mas que acabaram  no endereço da Rua Curt Hering. Lá, dezenas de toucas natalinas indicavam o início de uma campanha que vai realizar sonhos: o Papai Noel dos Correios.

Meninos e meninas de 11 unidades de ensino da cidade escreveram cartinhas com desejos de presentes. São bonecas, carrinhos, bola de futebol. A gerente da agência central de Blumenau – único ponto da cidade que participa do projeto –, Glaucia Ferrari, tem uma meta audaciosa para a distribuição de todas as cartinhas: esgotar até esta quarta no fim do dia todas as que foram entregues no município. No ano passado, as mil correspondências demoraram apenas três dias para estarem nas mãos dos “Papais Noéis”.

– A gente percebe um engajamento muito grande de Blumenau. Aqui é sempre muito rápido, tanto é que aumentamos por conta própria em 350 o número de cartas. Eram para ser só mil, mas temos certeza que vai tudo e quem quiser fazer a boa ação vai ter que vir o quanto antes – chama atenção Glaucia.

Crianças também adotam cartinhas

Enquanto o coral se apresentava, a Banda Municipal tocava e as crianças do CEI Ingo Hering se apresentavam, as primeiras cartinhas começaram a ser entregues. Uma delas era de uma menina, cuja mãe não está trabalhando e o pai faleceu. Tudo que quer é uma boneca com berço. Com os olhos marejados, a adotante que não quis se identificar relata que veio buscar quatro correspondências. Saiu com meia dúzia. 

– Faz seis anos que adoto. São valores que vou guardando durante o ano para fazer um Natal um pouquinho mais feliz para algumas crianças. É tão pouco para mim, mas tanto para quem recebe e é isso que me anima – conta.

Após fazerem economia durante todo o ano, os pequenos da Escola Barão do Rio Branco também adotaram cartinhas para dar presentes a crianças de um centro de educação infantil público de Blumenau. Tudo começou com um projeto da professora Margot Eble chamado “Senhor Econômico”. Todas as quartas-feiras, as crianças levam moedas e aprendem sobre economia doméstica, mesmo com apenas 5 ou 6 anos de idade. 

Neste ano, todo o valor arrecadado – aproximadamente R$ 350 – foi usado para que a turma adotasse outros 12 colegas da unidade pública de ensino.

– Nós ensinamos valores, e mostramos como o ajudar o próximo é bom. Assim a gente forma pessoas mais preparadas e felizes – enaltece Margot.

Confira  todos os passos para fazer a boa ação:

- Para adotar uma cartinha, basta ir à agência central dos correios em Blumenau, na esquina das ruas Curt Hering e Padre Jacobs, das 9h às 17h.

- É possível adotar quantas cartinhas quiser, desde que, obviamente, se comprometa em presentear as crianças.

- Os presentes podem ser entregues na própria agência central até o dia 30 deste mês.

- Empresas também podem participar. Se a adoção for acima de 80 cartas, basta preencher o cadastro pelo site blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios. Para quantidades menores, é só ir até a agência central de Blumenau.


Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaPedro Machado: Meirelles é visto com bons olhos pelo mercado, mas só isso não basta https://t.co/vJtxZhOyYC #LeiaNoSantahá 32 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaColégio Militar de Blumenau abre inscrições na segunda-feira https://t.co/gzyiVxnyvB #LeiaNoSantahá 51 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca