NSC Comunicação faz mapeamento da violência nas estradas de SC - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Cobertura22/12/2017 | 18h20Atualizada em 22/12/2017 | 18h20

NSC Comunicação faz mapeamento da violência nas estradas de SC

Projeto multimídia vai acompanhar as ocorrências no Estado durante a alta temporada

NSC Comunicação faz mapeamento da violência nas estradas de SC Divulgação/PRF Biguaçu
Foto: Divulgação / PRF Biguaçu
NSC Comunicação

Um projeto inédito da NSC Comunicação começou a mapear em detalhes os acidentes com vítimas fatais nas rodovias federais e estaduais de Santa Catarina durante o período do ano com maior movimento, entre os dias 22 de dezembro e 10 de janeiro. Até o dia 31 deste mês, os resultados serão trabalhados de forma integrada em todos os veículos da NSC, com três principais eixos: jornalismo de dados, reportagens e debates. 

Intitulado "Radar da Violência nas Estradas", o projeto vai apresentar, de forma inédita, informação sistematizada sobre os acidentes com vítimas fatais nas rodovias do Estado. O objetivo é contextualizar o problema e, assim, subsidiar e cobrar interferências eficazes, gerando soluções. 

As estatísticas reforçam a importância da cobertura direcionada da NSC. Em 2016, 652 catarinenses perderam a vida nas estradas. Nas rodovias federais, Santa Catarina foi o quarto estado que mais registrou acidentes e mortes: 450 vítimas fatais em 10.604 ocorrências. Nas rodovias estaduais, 202 pessoas morreram. Foram 8.355 acidentes que, além dos mortos, deixaram outras 4.868 pessoas feridas.

Acompanhe o “Radar da Violência nas Estradas” nos veículos de comunicação da NSC.

 
Jornal de Santa Catarina
Busca