Guarda de trânsito intensifica fiscalização nos corredores de ônibus em Blumenau - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Operações26/03/2018 | 07h00Atualizada em 26/03/2018 | 07h00

Guarda de trânsito intensifica fiscalização nos corredores de ônibus em Blumenau

Na última semana, 128 motoristas foram autuados e operações irão se tornar rotina, diz Seterb

Guarda de trânsito intensifica fiscalização nos corredores de ônibus em Blumenau Adriano Lins/Jornal de Santa Catarina
Foto: Adriano Lins / Jornal de Santa Catarina

Agentes da Guarda Municipal de Trânsito (GMT) iniciaram na última semana ações de fiscalização dos corredores de ônibus em Blumenau. A Rua Engenheiro Paul Werner, na Itoupava Seca, foi a primeira a receber esse tipo de trabalho e só nos quatro primeiros dias foram autuados 128 motoristas por desrespeitar a faixa exclusiva aos veículos do transporte coletivo. A blitz teve duração de uma hora por dia – 124 foram abordados e orientados, enquanto outros quatro tiveram a placa registrada pelos guardas. A infração é gravíssima e conforme o Código de Trânsito Brasileiro, a multa chega a R$ 293,47.

— Este trabalho foi motivado pelas reclamações de usuários do transporte coletivo e dos demais motoristas que trafegam nas vias, que não concordam com este tipo de infração. A informação chega por meio dos nossos canais de comunicação e de outras formas, e a Rua Engenheiro Paul Werner foi a que recebeu a maior número de reclamações. Mas percebemos que em outros corredores também é necessário fazer fiscalização, pois em menor proporção também é constatada este tipo de infração — explica o chefe da GMT, Jailson Rogério Cândido.

Um motorista que não quis se identificar foi um dos condutores abordados pela Guarda de Trânsito e recebeu a autuação por transitar na via exclusiva de ônibus. Ele defende o trabalho dos agentes, mas acha injusta a aplicação da multa naquele situação.

— Acabei de sair da Rua Fides Deeke, que é uma saída complicada de ir direto para a pista principal, por isso utilizei o corredor pra acessar com maior segurança. Sou trabalhador e não estou colocando ninguém em risco e acabei de levar sete pontos na carteira, além de uma multa que levarei dois dias de trabalho para pagar — lamenta o motorista de um aplicativo de transportes.

A fiscalização nos corredores divide opiniões. Para o morador da região e consultor João Noriller a lei foi feita com determinado objetivo e não deve haver exceções. Ele relata que já presenciou inúmeras irregularidades na via, não somente no corredor.

— Excesso de velocidade e soberba dos motoristas, infelizmente o povo tem que ser educado no bolso — pontua.

Há quem defenda uma liberação do corredor de ônibus para veículos de transporte de estudantes. O motorista João Mainka Neto há 17 anos faz o transporte de alunos que vêm de Jaraguá do Sul e região para a Furb. Ele relata que já foram até a prefeitura pedir autorização para usar o corredor, pois todos os dias os estudantes acabam se atrasando pelo menos 20 minutos para chegar na universidade.

Implantados em 2011, os corredores de Blumenau tentam dar mais rapidez no deslocamento de ônibus.

Nesses sete anos, o espaço destinado ao transporte coletivo já foi alvo de outras discussões para uso de outros veículos – como táxis, por exemplo –, mas qualquer mudança precisa antes passar pela Câmara de Vereadores, ser aprovada em plenário e, por último, sancionada pelo prefeito.

Especialista defende mais orientação e fiscalização
Para o especialista em trânsito, Emerson Luiz Andrade, os agentes não estão fazendo nada além de cumprir a legislação, mas sugere que devido à grande incidência de motoristas autuados na última semana, o Seterb deveria fazer campanhas de orientação com situações básicas no trânsito, mesmo partindo do princípio de que os condutores deveriam conhecer a legislação de trânsito.

— Recentemente teve uma resolução que foi revogada, que ao renovar a CNH o condutor deveria fazer um curso de atualização. Uma coisa tão simples como acessar um imóvel lindeiro é um exemplo da necessidade de atualizar o conhecimento de trânsito. Além disso, normalmente não se faz esse tipo de fiscalização, se fosse feito isso frequentemente as pessoas ficariam atentas e não fariam mais. Estar mais presente facilita o trabalho dos agentes reguladores do trânsito — sugere.

De acordo com o Seterb, novas fiscalizações serão feitas nos corredores de ônibus em Blumenau nas próximas semanas. O intuito é que esse tipo de ação seja itinerante, passando pelos outros corredores. Somente uma avaliação técnica, porém, poderá tornar o procedimento uma rotina.

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaFogos de artifício causaram 154 internações em SC em 10 anos, aponta pesquisa   https://t.co/OJsE3spXNZ #LeiaNoSantahá 30 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaDefeito deixa cerca de 14 mil casas sem energia elétrica em Blumenau https://t.co/VYcvV9ef05 #LeiaNoSantahá 13 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca